PUBLICIDADE
Brasil
NOTÍCIA

Rede de Observatórios da Segurança: live debaterá violência e racismo nesta terça-feira

Evento promovido pela Rede de Observatórios da Segurança contará com colunista e repórter do O POVO; transmissão acontecerá a partir das 18 horas

Bemfica de Oliva
00:04 | 28/07/2020
Evento acontece nesta terça-feira, 28, às 18 horas, e terá participação de repórter e de colunista do O POVO (Foto: Divulgação)
Evento acontece nesta terça-feira, 28, às 18 horas, e terá participação de repórter e de colunista do O POVO (Foto: Divulgação)

O quinto episódio da série de lives "Visões em Rede", que aborda assuntos relacionados à violência, à segurança pública e aos direitos humanos, trará a partir das 18 horas desta terça-feira, 28, o tema "Violência armada, homicídios e racismo". A transmissão contará com a participação de Lucas Barbosa, jornalista e mestrando em Avaliação de Políticas Públicas, e Ricardo Moura, jornalista e cientista social, que faz parte do Observatório da Segurança do Ceará. Lucas e Ricardo são, respectivamente, repórter e colunista do O POVO.

A live acontecerá pelo Facebook e pelo Twitter da Rede de Observatórios, e no canal do Centro de Estudos de Segurança e Cidadania (CESeC) no Youtube. Participam também da discussão Monica Cunha, fundadora do Movimento Moleque, que atua para garantir os direitos humanos de adolescentes e seus familiares; e Bruno Langeani, gerente do Instituto Sou da Paz.

Após ter apresentado queda em 2019, o número de mortes violentas no Brasil voltou a aumentar em 2020. A maioria desses óbitos é de pessoas negras. Os dados são da Rede de Observatórios de Segurança, que avalia os índices de mortes por violência no País.

Constituído pela articulação de cinco organizações que monitoram e difundem informações sobre segurança pública, violência e direitos humanos, a Rede de Observatórios de Segurança vem realizando a série de debates sobre esses temas, em formato de lives desde o último dia 14.