PUBLICIDADE
Brasil
NOTÍCIA

Conselho Nacional de Secretários de Educação elogia escolha de Decotelli para o Ministério da Educação

A instituição informou que quando Decotelli foi presidente do FNDE foi possível manter um bom canal de diálogo com os secretários

09:07 | 26/06/2020
O presidente Jair Bolsonaro, nomeia o professor, Carlos Alberto Decotelli da Silva para o cargo de Ministro da Educação. (Foto: MArcello Casal Jr/Agência Bras)
O presidente Jair Bolsonaro, nomeia o professor, Carlos Alberto Decotelli da Silva para o cargo de Ministro da Educação. (Foto: MArcello Casal Jr/Agência Bras)

O Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed) divulgou nota na última quinta-feira, 25, onde elogia o novo ministro da Educação. O Consed afirmou que Carlos Alberto Decotelli, enquanto presidiu o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), manteve um bom canal de diálogo com os secretários, chegando também a visitar alguns estados.

A escolha de Carlos Alberto Decotelli foi anunciada pelo presidente Jair Bolsonaro através de publicação no Facebook. O Conselho ainda destaca que acredita na possibilidade de ampliação do diálogo e em uma "contínua interação com o Ministério da Educação", após a saída de Abraham Weintraub.

O Consed disse esperar que com Decotelli a implementação da Base Nacional Comum Curricular e do Novo Ensino Médio possam avançar com celeridade e qualidade.

Confira a íntegra


"Sobre a nomeação do novo ministro da Educação,

o Conselho Nacional de Secretários de Educação afirma que, enquanto presidente do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), Carlos Alberto Decotelli manteve um bom canal de diálogo com os secretários, chegando a visitar alguns estados durante a sua gestão. Sendo assim, o Consed acredita na possibilidade de ampliação do diálogo e na contínua interação com o Ministério da Educação, para que políticas educacionais, como a implementação da Base Nacional Comum Curricular e o Novo Ensino Médio possam avançar com celeridade e qualidade.


Brasília, 25 de junho de 2020.
Conselho Nacional de Secretários de Educação."

Via Rede Nordeste