PUBLICIDADE
Brasil
NOTÍCIA

Neta do ministro Marco Aurélio invade escritório durante sessão do STF

A menina de apenas 2 anos buscava os chocolates que o ministro guarda em seu escritório

11:49 | 04/06/2020
O ministro disse que as netas são a
O ministro disse que as netas são a "alegria da residência", e que o episódio mostra "o lado humano do juiz" (Foto: Reprodução/Web)

 

A pequena Laura, neta do ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), invadiu uma sessão dessa quarta-feira, 3, que discutia o julgamento sobre os trabalhadores de portos. "Vovô", chamava a menina, de apenas 2 anos, sorridente, atrás do ministro. Segundo explicou Marco Aurélio, Laura procurava os chocolates que ficam guardados no escritório.

Desde março, o STF passou a adotar sessões através de videoconferências com o objetivo de evitar aglomerações em meio à pandemia do novo coronavírus. Geralmente, apenas o ministro que preside é quem comparece ao prédio do STF, em Brasília.

No vídeo que mostra a participação inesperada de Laura na sessão do STF, é possível ver o ministro sinalizar para alguém que entrava na sala sobre a presença da criança. Na sequência, a pessoa busca uma pequena caixa na estante do escritório e "atrai" Laura para fora do cômodo.


"Guardo no escritório vasilhas de M&M e chocolates. As netas, Rafaela, Luísa e Laura, com os pais, estão comigo desde o início de março. Laura entrou no escritório, justamente na hora que estava votando por videoconferência, para pedir a guloseima", esclareceu o ministro do Supremo. As outras netas têm têm 5 e 7 anos, conforme o avô.

O ministro disse ainda que as netas são a “alegria da residência”, e que o episódio mostra “o lado humano do juiz”.


com informações do O Globo e do portal UOL