PUBLICIDADE
Brasil
NOTÍCIA

Cadeirante tenta roubar joalheria com arma de brinquedo nos pés

Caso ocorreu no Rio Grande do Sul; jovem de 19 anos era mudo e usava uma arma de brinquedo; Polícia Civil apura o caso

10:24 | 26/05/2020
Assaltante foi apreendido e prestou esclarecimentos a polícia com a ajuda de um parente (Foto: Reprodução/Twitter)
Assaltante foi apreendido e prestou esclarecimentos a polícia com a ajuda de um parente (Foto: Reprodução/Twitter)

A polícia da cidade de Canela, no interior do Rio Grande do Sul, registrou uma curiosa ocorrência na tarde de ontem, 25. Um jovem de 19 anos tentou assaltar uma joalheria com uma arma de brinquedo. O assaltante, pessoa com deficiência (PCD), entra no estabelecimento e anuncia o assalto com uma arma de brinquedo segurada pelos pés. Em vídeo, a câmera de segurança da loja registra o momento. Sem conseguir falar, o jovem entrega o bilhete para a vítima, mandando que "passasse tudo".

A imprensa local afirma que o episódio foi registrado em uma joalheria da cidade e, segundo informações, o assaltante não conseguiria movimentar os braços por ter paralisia cerebral. Além disso, teria entregado o bilhete devido a problemas de fala, por ser mudo. As informações são do jornal Extra.

Testemunhas acionaram a Brigada Militar, que conduziu o jovem até a Delegacia de Canela e expôs sua versão do caso com a ajuda de um parente. A Polícia Civil abriu uma investigação para apurar o assalto.