PUBLICIDADE
Brasil
NOTÍCIA

Envolvimento em rinha de cães resulta na prisão de 22 homens

Entre os envolvidos estão dois peruanos, dois mexicanos, um americano, um médico, um policial militar e um veterinário

19:57 | 21/12/2019
Espaço montado para cachorros brigarem na chácara em São Paulo
Espaço montado para cachorros brigarem na chácara em São Paulo (Foto: Polícia Civil do Paraná/Divulgação)

Uma rinha de cães, descoberta no último final de semana, resultou na prisão preventiva de 22 homens. O caso ocorreu nessa sexta-feira, 20, em uma chácara na cidade de Mariporã, São Paulo. As informações são do G1.

De acordo com Daniela Aoki de Andrade Maria, juíza da 2ª Vara Judicial da cidade, os suspeitos não se apresentaram à Justiça conforme determinação, assim demonstrando que "não pretendem colaborar com a Justiça". Antes disso, 41 homens haviam sido presos. Entretanto, em audiência de custódia na segunda-feira, 16, somente o acusado de organizar a rinha continuou detido.

Após a decisão, o Ministério Público recorreu pedindo que os outro 40 envolvidos fossem presos. Os suspeitos respondem por maus-tratos de animais, jogos de azar e associação criminosa.

A investigação teve início com a Polícia Civil do Paraná, que em seguida pediu suporte para a Polícia Civil de São Paulo. Entre os envolvidos estão dois peruanos, dois mexicanos, um americano, um médico, um policial militar e um veterinário.