PUBLICIDADE
Notícias

Ação policial em morros do Rio tem 13 mortos

20:37 | 08/02/2019
Um tiroteio nas comunidades do Fallet, Fogueteiro e Coroa, em Santa Teresa, na região central do Rio, deixou pelo menos 13 mortos na sexta-feira, 8. De acordo com a polícia, eles eram suspeitos e foram baleados em confronto com agentes do Comando de Operações Especiais.
De acordo com a Prefeitura, outro baleado ainda estava internado no Hospital Municipal Souza Aguiar. As vítimas não foram identificadas.
Desde a madrugada, as equipes policiais atuavam nas comunidades por causa dos tiroteios na região, por causa da disputa entre grupos criminosos. Com base em denúncias e informações do Setor de Inteligência, a polícia vasculhou alguns pontos da comunidade de Fallet.
Segundo a polícia, os agentes de segurança foram recebidos a tiros no morro e houve confrontos. Após o fim da troca de tiros, dez suspeitos feridos foram achados em vias da comunidade e socorridos. Com eles, foram apreendidos dois fuzis, nove pistolas e cinco granadas.
No Morro dos Prazeres, policiais do Batalhão de Operações Especiais (Bope) apreenderam uma pistola calibre .40, uma pistola calibre 9 mm, dois rádios comunicadores e um aparelho telefônico, após confronto com criminosos.
Em outro ponto da comunidade, um fuzil calibre 5,56, uma pistola calibre 40 e uma granada foram apreendidos. Depois disso, a PM informou que atuou preventivamente ao longo do dia para evitar episódios de vandalismo pelas comunidades.
Letalidade policial. Entre março e dezembro de 2018 - período da intervenção federal na segurança - foram registradas 1.273 mortes envolvendo agentes policiais em todo o Estado do Rio. O índice foi de 944 no mesmo período do ano anterior, o que representa aumento de 34,9%. Os dados são do Instituto de Segurança Pública, órgão do governo fluminense responsável por reunir as estatísticas criminais.
TAGS