PUBLICIDADE
Notícias

Radialista que morreu em brinquedo do Beach Park é velado em São Paulo

O paulistano de 43 anos era radialista e apresentava programa matinal na Rádio Nova Brasil FM

14:54 | 18/07/2018
NULL
NULL
[FOTO1]
O radialista Ricardo José Hilário da Silva, morto em acidente no Beah Park nessa segunda-feira, 16, é velado nesta quarta, 18, em São Paulo. De acordo com o portal G1, o velório ocorre em Sorocaba e conta com apoio de seguranças. O enterro será às 15h30min, no Cemitério da Consolação. O velório ocorre na Ossel da Vila Assis, no município paulistano.
[SAIBAMAIS]
O turista estava em Fortaleza a passeio. Testemunhas relataram ao O POVO Online que a boia em que ele estava "subiu mais alto" que o normal. "Eles estavam com uma velocidade muito grande. Quando entraram no túnel, deu para notar que eles balançavam de um lado para o outro. Mais do que o normal", diz a estudante Luísa Aragão, 15.
 
Essa versão é contestada pelo Beach Park. Em nota enviada à imprensa, a assessoria do local afirma que a boia que levava Ricardo e outras três pessoas virou ao fim do percurso, dentro do toboágua. "É completamente equivocada a informação de que a boia ultrapassou a barreira de contenção do brinquedo e que os visitantes tenham sido arremessados", informou o Beach Park. 
 
O paulistano de 43 anos era radialista e apresentava programa matinal na Rádio Nova Brasil FM. O brinquedo onde ocorreu o acidente, o Vainkará, foi inaugurado no último sábado, 14, com a presença de celebridades. Após o acidente, foi interditado para realização de perícia. 

Nessa terça, 17, o parque aquático não funcionou, reabrindo apenas nesta quarta. O brinquedo permanece interditado.
 
Redação O POVO Online
TAGS