PUBLICIDADE
Notícias

Raquel Dodge denuncia ministro do TSE por agressão contra a mulher

Acusação foi protocolada na noite dessa terça-feira, 14

22:41 | 15/11/2017
Ministro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Admar Gonzaga foi denunciado por lesão corporal contra a mulher, Élida Souza Matos. A denúncia foi realizada pela procuradora-geral da República, Raquel Dodge. De acordo com o portal Metropoles, acusação foi protocolada na noite dessa terça-feira, 14.

A esposa do ministro já havia registrado denúncia em junho deste ano, na 1ª Delegacia de Políia (Asa Sul) do Distrito Federal. Élida contou, no boletim de ocorrência, que a agressão do magistrado resultou em um ferimento no olho. O casal havia discutido no Setor de Mansões Dom Bosco, no Lago Sul. 

Ainda confome o depoimento de Élida, Admar, com quem ela convive há mais um de década, a xingou. "Você não serve nem pra pano de chão", teria sido uma das frases ditas pelo ministro. Élida acusou Admar de ter jogado enxaguante bucal nela.

O Metropoles também informou que, em outubro último, Admar Gonzaga se defendeu por escrito ao STF negando a agressão. Ele disse que a esposa o teria arranhado, causando-lhe "marcas permanentes", e por isso tentou se defender dela. 

Redação O POVO Online
TAGS