PUBLICIDADE
Notícias

Vereador de Ponta Grossa lamenta presença de Pabllo Vittar em evento

Ezequel Bueno (PRB) não concorda com a presença da cantora em festa tradicional do município

12:49 | 18/10/2017
NULL
NULL
[FOTO1] Em um discurso na Câmara Municipal de Ponta Grossa, Paraná, o vereador Ezequel Bueno (PRB) critica a presença de Pabllo Vittar numa festa tradicional e lamenta que "a cidade receba esse tipo de show".
 
O vereador não concorda com a presença da cantora, que participará da tradicional München Fest, festa inspirada na cultura alemã com shows e gastronomia que acontecerá no período de 5 a 10 de dezembro próximo em Ponta Grossa. Além de Pabllo, estarão nomes como Anitta e a dupla Henrique e Diego.
 
"Eu queria lamentar por trazer esta pessoa aqui em Ponta Grossa", disse o vereador referindo-se a Pabllo Vittar, justificando que a cidade é família e conservadora. Ezequiel tomou como base para as afirmações uma notícia da internet em que o deputado federal Jean Willys (PSOL-RJ) afirmava que ele juntamente com Pabllo Vittar fariam uma espécie de turnê pelas escolas do País para ensinar às crianças sobre diversidade sexual. A publicação é falsa e foi desmentida pelo deputado.
 
O vereador da cidade de Ponta Grossa, ainda com base na falsa notícia, diz que se não for com o dinheiro dele, as pessoas poderão ir ver Pabllo Vittar mas somente no evento e que se '[Pabllo] inventar de ir para as ruas e escolas' vai mandar prender 'nem que ele mesmo seja preso depois por abuso de autoridade'.
 
Ainda de acordo com o vereador, serão cobradas explicações a vice-prefeita da cidade, que também é presidente da Fundação Municipal de Turismo, sobre a participação em termos financeiros da fundação e sobre as escolhas dos artistas. 'Eu quero saber. Se eu não estiver pagando, sem problema nenhum, pode trazer quem quiser. Agora com meu dinheiro não", ressalta.
 
Veja o vídeo com o discurso do deputado: 
[VIDEO1] 
TAGS