PUBLICIDADE
Notícias

Pai é morto por filho ao tentar impedi-lo de cometer crime

O corpo de Manoel foi velado nesse domingo em Tangará da Serra. O adolescente foi detido e encaminhado para a Polícia Civil

23:17 | 16/10/2017

Um adolescente de 17 anos foi apreendido no último sábado, 14, suspeito de ter matado o pai, de 35 anos. O garoto disse à Polícia Militar que foi provocado na rua pelo fato de ser homossexual. Ele tentou sair de casa com uma faca, mas, no momento em que o pai tentou impedir, acabou esfaqueado pelo filho. O caso aconteceu em Tangará da Serra, que fica a 242 km de Cuiabá. As informações são do G1 de Mato Grosso.

Conforme a PM, Manoel Francisco de Souza, de 35 anos, foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) até uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA), onde morreu.

O tenente da PM Marcio Pereira afirmou que o adolescente disse à PM que caminhava pela rua e as pessoas riam dele e de sua amiga por conta da homossexualidade. Ele, então, iniciou uma discussão e uma terceira pessoa não identificada o agrediu com um soco.

Informações da PM dizem ainda que ao ver a briga, Manoel levou o filho para casa e o agrediu. O adolescente pegou uma faca e tentou sair de casa, onde foi impedido pelo pai. De acordo com testemunhas, os dois começaram a brigar e o pai tentou pegar a faca da mão do filho, momento em que levou uma facada nas costas.

O corpo de Manoel foi velado nesse domingo em Tangará da Serra. O adolescente foi detido e encaminhado para a Polícia Civil.

 

Redação O POVO Online

TAGS