PUBLICIDADE
Notícias

Rock in Rio 2017 terá árvores solares capazes de recarregar celulares

A ideia é usar a energia solar para viabilizar o funcionamento de roteadores Wi-Fi, câmeras de segurança, iluminação e hubs de recarga de bateria de celulares

14:00 | 18/07/2017
NULL
NULL

[FOTO1]

O mais renovável de todos. Essa é a ideia para o Rock in Rio 2017. O projeto Amazona Live comprometeu-se a instalar árvores solares capazes de recarregar celulares.

 

A "OPTrees" foi criada pela startup brasileira SUNEW, em parceria com a Metalco do Brasil. A tecnologia é capaz de captar energia solar através de filmes fotovoltaicos instalados nas folhas.

 

No Rock in Rio, a estação de recarga terá 5 árvores fotovoltaicas fornecendo energia gratuita - cada uma com 10 tomadas USB. Além da função principal, as OPTrees também protegem os participantes do sol e são uma opção de descanso para o público. O filme fotovoltaico que absorve a energia solar fica nas folhas das árvores artificiais e uma bateria dentro dela armazena a carga que é passada aos aparelhos telefônicos dos usuários. Já que não está conectado à rede elétrica, esse sistema pode ser considerado off-grid.

 

O CEO do CSEM Brasil (Centro privado de pesquisa aplicada e sem fins lucrativos), Tiago Alves afirma que a ideia é aumentar a utilização das OPTrees. Ele diz que negocia com prefeituras e organizações para integrar a membrana de captação de energia solar em locais públicos, como em parques ou bicicletários. A ideia é usar a energia solar para viabilizar o funcionamento de roteadores Wi-Fi, câmeras de segurança, iluminação e hubs de recarga de bateria de celulares.

 

"Cada vez mais a energia fotovoltaica é utilizada para trazer vantagens e comodidade à população. Difundir o seu uso trará benefícios ao meio ambiente e às futuras gerações, prezando cada vez mais pela sustentabilidade e pela diversificação da nossa matriz energética, com a entrada de mais fontes de energias renováveis", diz o site da RETECjr.

 

Redação O POVO Online

TAGS