PUBLICIDADE
Notícias

Médico Drauzio Varella nega que vai ajudar Doria na Cracolândia

O profissional publicou um vídeo para informar que não participaria do projeto do prefeito da capital paulista

20:57 | 30/05/2017
NULL
NULL

[FOTO1] 

O médico Drauzio Varella postou nas redes sociais no início da noite desta terça-feira, 30, que não fará parte de um um comitê para assessorar os programas estadual e municipal na região conhecida como Cracolândia, em São Paulo.

O profissional afirma que, em encontro com o secretário estadual da Saúde, David Uip, teria sugerido ideias para resolver o problema, mas que não teria recebido convite para integrar um comitê e tampouco teria aceitado.

[VIDEO1] 

“Não recebi convite formal para fazer parte de um comitê com essas funções. Caso recebesse, não aceitaria: não tenho preparo técnico nem tempo livre para um trabalho dessa natureza”, afirmou em vídeo. “Para colaborar com sugestões, estou à inteira disposição. Fazer parte de um comitê oficial, não. Não tenho a menor condição”, disse.

Segundo reportagem da agência Estadão Conteúdo, os médicos Anthony Wong, Drauzio Varella e Wagner Gattaz teriam sido os três nomes escolhidos pelo governo de São Paulo e pela Prefeitura para formar um “comitê de notáveis” que iria assessorar os programas estadual Recomeço e municipal Redenção no combate ao uso de drogas, com foco inicial na região da Nova Luz, no centro da capital paulista. O Comitê Superior de Saúde vai acompanhar e auditar as ações governamentais na Cracolândia“.

Redação O POVO Online

TAGS