PUBLICIDADE
Notícias

Artistas recriam pôsteres machistas da Skol a convite da marca

Entre tintas, pincéis e recortes, as artistas propõem a desconstrução do papel da mulher na sociedade e combatem o machismo; veja vídeo

12:20 | 09/03/2017
NULL
NULL

[FOTO1] Na perspectiva da equidade de gênero, a Skol criou uma peça publicitária para o histórico 8 de março, Dia Internacional da Mulher, que movimentou as redes sociais. A marca convidou ilustradoras e artistas para transformar pôsteres antigos e recentes da cervejaria - marcados pelo machismo.


Na publicação na página da empresa no Facebook, que acompanha a peça, a Skol explica que algumas imagens já não representam a marca. No vídeo, as artistas Eva Uviedo, Camila Rosário, Elisa Arruda, Criola e Manuela Eichner, aparecem durante o processo o criativo. Entre tintas e pincéis, elas propõem a descontrução do papel da mulher na sociedade.

Manuela, por exemplo, explica que sua ilustração tem o intuito de tirar a mulher do lugar comum e colocá-la onde quiser. “(Quis) Tirar a mulher de ser a pessoa que ‘tá’ servindo a cerveja. Não! Ela ‘tá’ tomando a cerveja”, diz.

Até o momento, a publicação acumula mais de 22.400 compartilhamentos e 65 mil reações no Facebook. Os comentários dos internautas, que ultrapassam 8 mil, oscilam entre críticas, elogios e cobrança para a permanência da resistência feminina na marca. Como a internauta Tami Ires Souza: “E as próximas campanhas durante o ano? Irão manter essa linha?”, escreveu.   

A Skol está no mercado brasileiro desde a década de 1960. Em 2006, a empresa teve que pagar uma multa aplicada pelo Procon, de São Paulo, por veicular na TV uma peça publicitária em que mulheres eram distribuídas em carrinhos de cargas na porta de homens, que poderiam “consumi-las”. Na época, o relator do caso, o desembargador Luiz Sergio Fernandes de Souza considerou o comercial como infeliz, pois “coisificava” a mulher, transformando-a em objeto.

Uma década depois, com a campanha “Redondo é sair do seu quadrado”, uma peça propusera a ruptura dos padrões estéticos-sociais.

Acesse o link para conhecer as artistas que participaram da nova campanha e os trabalhos. 

Veja vídeo: [VIDEO1]

 

 

Redação O POVO Online

TAGS