PUBLICIDADE
Notícias

INSS cancela aposentadoria de idosa de 120 anos por achar que estava morta

Por conta da idade avançada, o Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS) cancelou a aposentadoria por suspeita de fraude. Segundo o RankingBrasil, não há registro de pessoa com idade mais avançada do que ela

16:40 | 07/06/2016
NULL
NULL

Dona Jesuína dos Santos tem 120 anos e pode ser a mulher mais velha do País. Devido à idade avançada, o Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS) chegou a cancelar a aposentadoria da idosa por suspeita de fraude. Para conseguir novamente o benefício, a família e um amigo de Dona Jesuína a levaram até uma agência do INSS. As informações são do G1.

%2bCearense com 131 anos pode ser homem mais velho do mundo 

Jesuína nasceu no distrito de Porto Espanhol, no norte do Paraná, em 30 de janeiro de 1896. De acordo com o RankBrasil, se ela apresentar documentação que comprove sua idade, será considerada mulher mais idosa do Brasil.

A neta Dalíria Amaral cuida de sua avó há 30 anos e se espelha na idosa para ter uma vida saudável e longa.“Ela sempre morou no sítio e sempre foi muito ativa. Além de cuidar dos filhos, cuidava da lavoura, preparava toda a alimentação da família, e ainda cuidava da casa”, declarou. Dalíria também explicou que Jesuína não come alimentos prontos e em conserva. “Ela não comia nada em conserva, tudo era natural, cultivado e produzido no sítio. Até hoje ela não gosta de produtos prontos, tem que ser tudo natural”, disse.

Conforme o geriatra Marcos Cabera viver até 120 anos é privilégio para poucos. ”O ser humano vive bem até os 85 anos, depois dessa idade é uma união de fatores que faz com que a pessoa tenha uma vida boa”, explicou. Marcos acrescentou também que no caso de Jesuína a questão genética e o estilo de vida da senhora são fatores fortes para sua logenvidade.

 

Redação O POVO Online 

TAGS