PUBLICIDADE
Notícias

Wagner Moura é sondado para interpretar Aécio Neves em série da Netflix

A produção tem como enredo a operação Lava Jato e José Padilha, de Tropa de Elite, será o diretor

11:15 | 18/04/2016
NULL
NULL

O cenário político brasileiro vai ambientar o novo trabalho produzido pelo serviço de streaming Netflix. A Operação Lava Jato vai virar série e o ator baiano Wagner Moura pode fazer parte do elenco. A produção será dirigida por José Padilha, diretor de ‘Tropa de Elite’ e ‘Narcos’, e que se posicionou favorável ao impeachment da presidente Dilma.

De acordo o colunista Fernando Oliveira, da Folha de S. Paulo, Wagner foi sondado para interpretar o ex-candidato à presidência Aécio Neves (PSDB).

[SAIBAMAIS1]Recentemente, o ator se posicionou abertamente a favor das investigações e contra o processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff.

Além dele, Milhem Cortaz e Maria Ribeiro, também de Tropa de elite, são cogitados para participar da série.

Nova série
A série ainda não tem nome definido, mas ainda neste ano começam as gravações de seus 13 episódios iniciais. O roteiro será escrito por Elena Soares (Xingu, Filhos do Carnaval, Casa de Areia).

Redação O POVO Online

TAGS