PUBLICIDADE
Notícias

Ayrton Senna completaria 56 anos caso estivesse vivo

Foram três títulos conquistados, em 1989, 1990 e 1991, vários recordes quebrados e o último piloto brasileiro a vencer um campeonato na categoria

18:10 | 21/03/2016
NULL
NULL

Ayrton Senna da Silva completaria 56 anos nesta segunda-feira, 21, caso estivesse vivo. Apaixonados pela Fórmula 1 sentem saudade do “Ayrton do Brasil”. Foram três títulos conquistados, em 1989, 1990 e 1991, vários recordes quebrados e o último piloto brasileiro a vencer um campeonato na categoria.

Senna teve sua carreira interrompida no dia 1º de maio de 1994, durante o grande prêmio em Ímola, com um acidente que deixou o mundo automobilístico de luto.

José Walber, de 75 anos, é um fã incondicional de Senna, acompanhou desde o início a carreira do piloto brasileiro. “Acompanhei o Ayrton Senna desde o início da carreira. A corrida que ele se destacou e conseguiu ganhar minha admiração foi em Portugal. Quase que ele ganhava a corrida, mas o fiscal encerrou antes de ele cruzar a linha de chegada”, relembra.

Ayrton conseguiu vencer o GP do Brasil com problemas no câmbio em 1991. “Senna conseguiu ganhar de ponta a ponta com apenas uma marcha”, ressalta Walber.

[VIDEO1]

Uma das qualidades de Senna era correr na chuva, mesmo com muita água na pista ele conseguia fazer ultrapassagens, foi assim no GP do Brasil em 1993. “Ele era o melhor na chuva. Eu ficava sem fôlego quando ele fazia as ultrapassagens, pois o carro podia derrapar, mas ele conseguia e deixava todos para trás”, conta Walber.

[VIDEO6]

Antigamente se ligava a televisão aos domingos pela manhã esperando que Senna vencesse mais uma de suas corridas. “Até quem não gostava abria a televisão e ficava torcendo para Senna ganhar. Era comparado como um jogo do Brasil na Copa do Mundo, antes de levar os 7 a 1.”, comenta.

No dia 1º de maio de 1994 Ayrton Senna corria como qualquer outro dia, quando a suspensão do carro soltou e atingiu o piloto. “Estava sentado como de costume assistindo a corrida quando aconteceu o acidente. Eu fiquei na duvida se ele teria realmente morrido. Saiu a confirmação da morte à tarde depois do almoço, fiquei super triste, parecia que tinha perdido um familiar querido”, relembra.

“Hoje não temos mais aquela sensação que tínhamos antigamente de ligar a televisão e dizer: ‘hoje tem Ayrton Senna’”, finaliza Walber.

Relembre alguns momentos: 

Campeão em 1988
Senna levantou o primeiro título na categoria, depois de intensa disputa com o companheiro de McLaren, o francês Alain Prost. A vitória veio no Circuito de Suzuka, no Japão.

[VIDEO2] 

Bicampeão em 1990

Largando na segunda colocação, Ayrton correu a largada lado a lado com Prost e, na primeira curva, os dois saíram da pista. O resultado favoreceu o brasileiro, que se sagrou bicampeão.

[VIDEO3]

Tricampeão 1991

O Circuito de Suzuka teve a honra de ser o local onde Senna sacramentou seus três títulos.No fim da corrida, ele recebeu uma pequena bandeira verde-amarela de torcedores e percorreu a volta final com o símbolo do Brasil em punho.

[VIDEO4] 

[VIDEO5]

 



 

TAGS