PUBLICIDADE
Notícias

CQC sairá da programação da Band em 2016; parte do elenco é dispensada

Segundo o diretor de conteúdo-geral da emissora, a ideia é dar ao programa um "ano sabático" e retomar a produção em 2017. A Band dispensou a maior parte do elenco

13:45 | 09/12/2015
NULL
NULL
O programa 'CQC' não estará na grade de programação da Band em 2016. De acordo com a Folha de São Paulo, a emissora ainda dispensou seis dos sete nomes do elenco e segue apenas com o apresentador Dan Stulbach contratado pelo canal. O último programa inédito irá ao ar no dia 21 de dezembro.
 
Stulbach já tem até projeto novo para o ano que vem. Ele vai apresentar 'História Não Escrita', que narrará a história de personagens históricos. A curadoria é da historiadora Lilia Schwarcz, que divide o programa com o ex-global. Os apresentadores Rafael Cortez e Marco Luque serão dispensados, assim como os repórteres Mauricio Meirelles, Lucas Salles, Juliano Dip e Erick Krominski.

[SAIBAMAIS3]Segundo o diretor de conteúdo-geral da Band, Diego Guebel, a ideia é dar um "ano sabático" ao formato e retomá-lo em 2017. Apesar disso, a emissora ainda não definiu que atração vai entrar no horário.
 
Em nota publicada no site oficial da emissora, a Band refere-se ao programa como um "divisor de águas" na tevê brasileira. "O formato inovador do 'resumo semanal de notícias' surpreendeu o público e a crítica especializada ao levar ao ar reportagens ácidas e provocativas, privilegiando também o bom humor e a leveza. Sob a ótica criativa do CQC, temas como política, economia, cultura e esporte ganharam nova relevância. Usando a irreverência, o CQC teve ainda o mérito de aproximar o público jovem dos grandes assuntos nacionais".
 
Após oito anos no ar, o programa apresentado durante sete anos por Marcelo Tas revelou nomes conhecidos nacionalmente como Rafinha Bastos, Danilo Gentili e Monica Iozzi. Ao todo, 339 episódios foram exibidos. Dia 28, o programa exibirá um especial com os melhores momentos.
Redação O POVO Online 
 
TAGS