PUBLICIDADE
Notícias

Marido e mulher descobrem que são irmãos e decidem continuar relacionamento

Mulher descobriu que era casada com o irmão durante programa de rádio, quando buscava pela mãe que não via há quase 40 anos

20:02 | 05/08/2014

Marido e mulher descobriram que são irmãos por parte de mãe e decidiram continuar juntos. Os dois descobriram o parentesco após sete anos de casamento, durante o quadro Anjo dos Encontros, transmitido pela Rádio Globo. A mulher buscava encontrar a mãe, que não via há 40 anos. No reencontro, a revelação: sem saber, ela havia se casado com o próprio irmão. Após a revelação, o casal, de mãos dadas, declarou que só a morte pode separá-los. "Tudo isso aconteceu por que Deus quis", afirma a esposa. Ela tem 39 anos e é vendedora de cosméticos em domicílio. Ele tem 37 e trabalha como caminhoneiro. Ambos nasceram na mesma cidade e foram abandonados ainda pequenos pela mãe.

 

No caso da mulher, a mãe deixou o pai da menina quando ela tinha apenas um ano de idade. Já o filho descobriu aos oito anos de idade que a mãe também tinha ido embora de casa. "Sempre quis saber quem era ela, mas nunca deixei a peteca cair", conta o caminhoneiro.  Enquanto ele crescia ao lado do pai e da madrasta, vendedora teve uma infância difícil com um pai alcoólatra e violento, foi espancada muitas vezes, até que, com 14 anos, fugiu de casa e mudou de cidade para ser doméstica. Nunca mais procurou o pai e, anos depois, soube que ele foi assassinado em uma briga de bar. A vendedora desconfia que a mãe os abandonou por causa dos maus tratos do ex-marido. "Ele ficou um bom tempo preso, já bateu em mulheres na minha frente e até esfaqueou", relata ela, que denunciou o pai por maus tratos.

 

Antes de completar 18 anos, ela conheceu um rapaz e engravidou, depois vieram mais dois filhos. Mesmo vivendo em família, a vendedora jamais desistiu de procurar aquela mulher que a colocou no mundo, e no Dia das Mães era difícil não se emocionar. O primeiro casamento dela durou 15 anos, no entanto, como o homem era alcoólatra, ela se separou e resolveu voltar pra cidade natal. Quem a ajudou com os três filhos pequenos foi o atual marido, os dois se apaixonaram e estão juntos desde então.

 

Porém, quando tentaram se casar, o funcionário do cartório percebeu a semelhança nos sobrenomes e não autorizou o casamento no civil. A partir deste evento, começou a suspeita de que poderiam ser irmãos, já que ele também procurava pela mãe que o deixou ainda bebê. A dúvida terminou quando a mulher entrou em contato com a equipe do quadro Anjo dos Encontros, da Rádio Globo, e teve duas surpresas: descobrir que a mãe estava viva e que os dois eram realmente irmãos.

 

Em um primeiro momento, o marido, que tem uma filha de seis anos com a esposa, ficou com medo da rejeição da companheira. "Tenho medo de chegar essa hora, se ela não me quiser mais. Gosto muito dela", emocionou-se o caminhoneiro. A mulher, porém, segue cheia de planos para o futuro ao lado dele: planeja conquistar a casa própria e se casar no papel. O casal afirma não guardar mágoas da mãe: "Não culpo ela", confirma a filha. Os dois já conversaram com a mãe outras vezes por telefone e aguardam a visita dela em breve.

 

Redação O POVO Online, com informações da Rádio Globo 

TAGS