PUBLICIDADE
PUBLIEDITORIAL Hospital São Camilo

AVC e dores de cabeça: conheça a importância de um acompanhamento neurológico especializado

Hospital São Camilo - Cura d'Ars, um dos mais tradicionais hospitais de Fortaleza, conta com Pronto Atendimento Neurológico. Cefaleia e AVC estão entre as principais assistências realizadas

08:00 | 31/08/2018

O médico Lucas Silvestre (CRM-CE 12167 e RQE - 7431) é responsável pelo atendimento neurológico no Hospital São Camilo Cura d'Ars. Foto: Júlio César/O POVO
 

A cefaleia, termo técnico para "dor de cabeça", é uma das doenças que mais impactam o dia a dia das pessoas. O fato de ser corriqueira, no entanto, não deve ser motivo para negligenciá-la. Segundo dados recentes da Organização Mundial da Saúde (OMS), a enfermidade é a sexta mais incapacitante no mundo. Para a Academia Brasileira de Neurologia (ABN), 18% da população sofrem de enxaqueca. Informações do Ministério da Saúde (MS), divulgadas em 2017, dão conta, ainda, de que o Acidente Vascular Cerebral (AVC) é responsável por cerca de 10% dos óbitos da população adulta no Brasil. Os dados demonstram a importância de ser mantido um correto acompanhamento neurológico no decorrer da vida.

"Esses dados apresentados coincidem com a demanda do hospital, afinal de contas, 95% da população vão sofrer de dor de cabeça em algum momento de sua vida", analisa o coordenador do Pronto Atendimento Neurológico do Hospital São Camilo - Cura d'Ars, Lucas Silvestre (CRM-CE 12167 e RQE - 7431). Para o médico, a resposta para o alto índice observado de atendimentos em cefaleia e AVC pode estar relacionado ao estresse da vida contemporânea. Doutor Lucas Silvestre coordena uma equipe formada por dez neurologistas, responsáveis por cobrir o Pronto Atendimento Neurológico e a enfermaria do Hospital São Camilo - Cura d'Ars. Localizada no bairro Aldeota, a unidade especializada em neurologia funciona de segunda a sexta, das 8 às 20 horas. Após esse horário e nos fins de semana, o atendimento é realizado em regime de sobreaviso.

Em regime de 24 horas, o hospital oferece ainda serviços de neurocirurgia e neuroradiologia intervencionista. Sala destinada a pacientes em situação de emergência, posto de enfermagem, sala de observação, laboratório de análises clínicas, exames de radiologia, ultrassonografia, eletrocardiografia, tomografia e endoscopia estão entre os serviços oferecidos como apoio pelo hospital. A interdisciplinaridade é outro destaque do setor neurológico do local, explica doutor Lucas Silvestre.

"A neurocirurgia é coordenada pelo doutor Flávio Leitão Filho (CRM-CE 6373), contando com equipe de cinco neurocirurgiões e funcionando 24 horas como sobreaviso. A neuroradiologia intervencionista é coordenada pelo doutor João Renato (CRM-CE 6430), sendo necessária nos casos mais complexos, que precisem de arteriografia ou cateterismo cerebral. As equipes atuam em conjunto, sempre em função do melhor atendimento ao paciente.”

Saiba como identificar

Além de incômoda, a dor de cabeça pode estar sinalizando problemas neurológicos mais sérios. De acordo com Silvestre, os pacientes devem procurar atendimento neurológico de urgência quando sentirem dor de cabeça diferente do habitual (inédita), cefaleia progressiva (piorando ao longo dos dias), dores com início após os 50 anos de idade depois de esforços físicos ou atividade sexual, acompanhadas de outros sintomas como febre, convulsão ou confusão mental.

SERVIÇO

Onde: Rua Nogueira Acioly, 453 – Centro

Mais informações: (85) 3464 7000 ou pelo site saocamilofortaleza.org.br

Responsável Técnico: Madison Mont'Alverne (CRM-CE 3794)