PUBLICIDADE

Estudantes podem contar com o FNE do Banco do Nordeste para formação acadêmica

Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE), operado exclusivamente pelo BNB, disponibilizou R$ 700 milhões a operações do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) modalidade II, com as menores taxas de juros do mercado

10:06 | 11/07/2018
Mulher sentada em cadeira, em sala de aula, escrevendo em um caderno
Mulher sentada em cadeira, em sala de aula, escrevendo em um caderno(Foto: )

[FOTO1]

Estudantes de todo o Nordeste, norte de Minas e norte do Espírito Santo passam a contar nesse segundo semestre, de forma ampla, com os recursos Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE ) para custear seus ingressos em cursos de nível superior através do Fies. No início do ano, um projeto piloto implantado atendeu 50 alunos. Para 2018, a verba destinada ao programa é de R$ 700 milhões.

O FNE Fies modalidade II é destinado aos estudantes de cursos superiores não gratuitos, moradores da área de atuação do Banco. Para se candidatar ao financiamento do BNB, o aluno deve ter renda familiar de até cinco salários-mínimos. Além disso, precisa ter participado de pelo menos uma edição do Enem a partir de 2010, com nota média igual ou superior a 450 pontos e não ter zerado a prova de redação.

Outro pré-requisito para efetuar a contratação do fundo é escolher um curso que tenha avaliação positiva no Ministério da Educação (MEC). A instituição de ensino selecionada deve ser conveniada ao Banco do Nordeste.

Os interessados em concorrer a uma vaga no Fies devem se inscrever diretamente no site www.fiesselecao.mec.gov.br. Para o segundo semestre, o prazo de inscrição vai do dia 16 ao 22 de julho.

Como funciona o financiamento do FNE Fies modalidade II?

Após fazer a inscrição no site do MEC, os dados do aluno e de seu avalista são analisados pelo banco. Em caso de pré-aprovação, o beneficiado deverá obter da universidade que estuda o documento de regularidade de inscrição. Então, o Banco irá realizar seu cadastro e, se ainda não tiver, abrir uma conta no BNB. Todo o processo é realizado  de forma automatizada, sem a necessidade de ir pessoalmente a uma agência. O contrato de financiamento e outros documentos serão assinados pelo aluno e avalista na própria faculdade.

A operação não tem carência e, portanto, a partir do segundo mês de contrato, o banco já inicia o pagamento das mensalidades. O FNE Fies permite o financiamento de 100% do valor da mensalidade. O aluno tem o prazo de até duas vezes o tempo do curso para quitar a dívida integralmente.

Durante o curso, o aluno paga, mensalmente, 35% do valor da mensalidade financiada acrescido de juros, que, segundo o superintendente de negócios de varejo e agronegócio do Banco do Nordeste, Luiz Sérgio Machado, fica em torno de 6,5% ao ano. “Dentro do Fies, o BNB será o banco que terá a menor taxa de juros. Isso porque o recurso é garantido pelo Fundo Constitucional - FNE”, ressalta.

Conforme as regras do BNB, financiamentos com saldo devedor de até R$ 50 mil necessitam de um avalista, o qual deve ganhar, no mínimo, cinco salários mínimos ou cinco vezes o valor da mensalidade, o que for o maior. Já para saldos acima dos R$ 50 mil, a exigência será de apresentação de garantias reais.  O teto de financiamento do Fies é de R$ 42,9 mil por semestre, ou seja, o valor máximo da mensalidade de um curso é de R$ 7 mil.

Novas regras do Fies

Desde janeiro, o Fies atende a novas regras. Entre as mudanças está a divisão do programa em três modalidades:

I - destinada à oferta de vagas com juros zero para os estudantes que tiverem renda per capita mensal familiar de até três salários mínimos;

II - destinada às regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste, com recursos dos Fundos Constitucionais e de Desenvolvimento para os estudantes que tiverem renda per capita mensal familiar de até cinco salários mínimos;

III - destinada a todas as regiões do Brasil com recursos do BNDES para alunos com renda familiar de até três salários.

Serviço

FNE Fies 2018.2

Inscrição: 16 a 22 de julho, pelo site www.fiesselecao.mec.gov.br

Mais informações: www.bnb.gov.br/fies

TAGS