PUBLICIDADE
VERSÃO IMPRESSA

NinaBrigita: tradição de mãe para filha

12/07/2019 02:09:38
Shakishuka: molho de tomate temperado, pimentão, ovos 
e salsinha.
Shakishuka: molho de tomate temperado, pimentão, ovos e salsinha. (Foto: Deisa Garcêz/ ESPECIAL PARA O POVO)

Essa história tem muitas curiosidades. Marina Antonácio é uma jovem promissora na gastronomia. Ela tem origem. Marina está no comando do NinaBrigita e desde muito cedo começou a observar sua mãe, Adriana Ximenes, construindo seus deliciosos pratos absolutamente conceituais e de preparo muito pessoal. Sendo assim, Marina muito jovem percebe que a mãe poderia fazer do Brigita Bistrô algo empresarial, porque a cada dia sua clientela aumentava e se tornava mais frequente nos espaços por onde andou. Marina segue para São Paulo na perspectiva de estudar aprofundamentos técnicos de administração na atividade gastronômica. "Eu fiquei durante um bom tempo indo e voltando de São Paulo para Fortaleza. Ao mesmo tempo sempre observava e participava das criações elaboradas pela minha mãe. Eu fui feita pelo olhar aguçado daquele formato diferenciado dela de cozinhar. Mamãe olhava para mim cedo da manhã e dizia: "Marina minha filha hoje eu tenho um grupo de pessoas e vou comprar os ingredientes adequados aos pratos que estou pensando em elaborar para esse pessoal".

E assim Adriana Ximenes, a Brigita, começava sua excelência quase que diária de criatividade. "A mamãe não tinha receitas. Ela guardava dentro dela roteiros de gastronomia arquivados de estudos, observações e experimentações. Era assim que seus clientes recebiam com entusiasmo aquele jantar ou almoço servido na ocasião. Eu confesso que sempre ficava muito apreensiva, mas tinha uma admiração muito grande pela sensibilidade, inteligência e criatividade da Brigita". Foi todo esse movimento de um processo novo e incomparável que levou a Brigita para a Itália, montando em Milão o Casa Brigita, que segue o mesmo estilo de criação emocional e delicada, preparada pela aguçada sensibilidade da chef.

Nosso início de conversa se deu devido a matéria com Marina Antonácio, que está no comando da cozinha do NinaBrigita, entregando o gênero de culinária extremamente saboroso, colorido e muito autoral. Nina Brigita me surpreendeu porque ela tem uma pegada que chega aos ínfimos da mãe Adriana, porém absolutamente personalizada. A comida que vamos apresentar aqui tem uma assinatura muito definida, muito clara: NinaBrigita.

Clique na imagem para abrir a galeria

NINABRIGITA

Onde: rua General Dutra,1 - Varjota

Outras informações: (11) 98177 1358 reservas feitas pelo telefone que também é o Whatsaap e funciona desde o café da manhã, passando pelo almoço e chega ao jantar. Aberto de terças-feiras aos domingos. As reservas deverão ser feitas com 48h de antecedência

Cartões: Visa, Mastercard, Elo, American Express, Diners

 

O Povo