PUBLICIDADE
VERSÃO IMPRESSA

Quadrinhos abordam racismo na infância

|REPRESENTATIVIDADE| Jeremias-Pele, nova graphic Novel da MSP, chega às bancas

01:30 | 16/04/2018
JEREMIAS:PELE. Lançamento é o 18° título da Graphic MSP, que se tornou referência no segmento DIVULGAÇÃO
JEREMIAS:PELE. Lançamento é o 18° título da Graphic MSP, que se tornou referência no segmento DIVULGAÇÃO

A linha de graphic novels (romances gráficos) do Selo Graphic MSP - Maurício de Sousa Produções - tornou-se sucesso de crítica e de público e chega à sua 18° edição. Com o título Jeremias - Pele, a produção faz uma releitura do personagem do gibi, que enfrenta pela primeira vez o preconceito pela cor de sua pele. A coleção traz quadrinhos produzidos por artistas nacionais que recriam, em seu próprio estilo, histórias com figuras clássicas da Turma da Mônica. Com roteiro de Rafael Calça, Jeremias - Pele aborda as formas com que o racismo se apresenta no cotidiano, explorando as vivências do primeiro personagem negro do quadrinista.

“A presença negra sempre foi muito coadjuvante nas histórias.

O Jeremias foi criado nos 1960, e nunca havia aparecido em uma capa. Mas agora ele estreia em uma grande HQ”, relata Sidney Gusman, Editor da MSP. “Acredito que a força dessa história vai ser muito importante porque não nos poupamos em falar sobre a realidade dura do racismo, enfrentada por crianças e adultos”, emenda.

Na linha de produções estão 17 volumes. Personagens como Astronauta, Chico Bento e Papa-Capim já foram protagonistas de alguns deles. A HQ de maior sucesso, no entanto, foi Turma da Mônica: laços, lançada em 2013 e cuja história se tornará filme, previsto para chegar aos cinemas em outubro deste ano.

“Não vou negar que também estou sonhando em ver Jeremias: Pele fora das páginas, mas o que há por enquanto são expectativas”, conclui.

A Graphic MSP surgiu em 2009 e deriva do projeto MSP 50 - Maurício de Sousa Por 50 Artistas - cujo objetivo era homenagear o cinquentenário de carreira do quadrinista. Desenvolvido por Gusman, a linha de publicações busca, desde então, recriar traços dos personagens de Maurício. Com quadrinhos que marcaram várias gerações e consolidaram-se entre o mercado infantil e infantojuvenil, a mais recente proposta da MSP tem sido alcançar um público mais maduro - e inclusive resgatar os antigos fãs do gibi. Jeremias - Pele, com 96 páginas, chegou às livrarias e bancas na última sexta, 13, em capa dura (R$ 41,90) e brochura (R$ 31,90).

IVIG FREITAS