PUBLICIDADE
VERSÃO IMPRESSA

Luxo da Aldeia abre Pré-Carnaval na Praça do Ferreira

Com um álbum de músicas inéditas previsto para ser lançado nas próximas semanas, o tradicional bloco de Carnaval leva a folia para a Praça do Ferreira em todas as sextas-feiras entre hoje e o dia 2 de fevereiro

01:30 | 12/01/2018
No disco que lança este ano, o Luxo da Aldeia apresenta composições próprias e uma canção inédita de Fausto Nilo e Moraes Moreira MATEUS DANTAS
No disco que lança este ano, o Luxo da Aldeia apresenta composições próprias e uma canção inédita de Fausto Nilo e Moraes Moreira MATEUS DANTAS

Munidos com uma trajetória de 11 anos de folia, o Luxo da Aldeia abre nesta sexta-feira, 12, a programação de Pré-Carnaval na Praça do Ferreira. Além do tradicional repertório que resgata músicas de compositores cearenses, a banda apresenta canções autorais que compõem um álbum ainda sem data definida de lançamento, mas prevista para este período carnavalesco, segundo o grupo. As festas acontecerão sempre às sextas-feiras, de hoje até o dia 2 de fevereiro das 19 às 22 horas.

“Por mais que 11 anos pareça muito tempo, a gente vê até como curto pra entender a dinâmica do Pré-Carnaval da Cidade”, avalia Tiago Porto, um dos integrantes da banda que toca na percussão. Para o músico, cada ano exigiu uma reinvenção do grupo para negociar o espaço público com os moradores, os foliões e a Prefeitura de Fortaleza.

“Quando a gente estava na rua tinha a preocupação com estacionamento em frente a casas e garagens”, lembra referindo-se às primeiras edições em 2007 nas ruas do bairro Benfica. Em 2015 a grande quantidade de público forçou o grupo a seguir para o Mercado dos Pinhões, que também ficaria saturado levando o Luxo, em 2017, para a Praça do Ferreira. “Na Praça e no Mercado vieram outros problemas, como conscientizar as pessoas sobre o lixo na rua e as questões de insegurança”, explica Tiago.

O Luxo da Aldeia tem agenda na Praça do Ferreira em todas as sextas-feiras, até 2 de fevereiro
RIBAMAR NETO/DIVULGAÇÃO
O Luxo da Aldeia tem agenda na Praça do Ferreira em todas as sextas-feiras, até 2 de fevereiro RIBAMAR NETO/DIVULGAÇÃO

Uma opinião que se soma à do guitarrista Mateus Perdigão: “Não podemos mais tratar o Carnaval como era há 11 anos. A gente precisa pensar o que queremos com o Pré-Carnaval. Qual o espaço que a festa ocupa na política e cultura da Cidade? Qual o legado que os blocos deixam em Fortaleza?” Segundo o músico, o período carnavalesco carrega ritos e costumes próprios que alteram a dinâmica da Capital e refletem no cotidiano do fortalezense.

É deste relacionamento com a Capital que nasce o primeiro álbum do grupo. “Em algum momento a gente começou a ter vontade de deixar um registro do que o Luxo da Aldeia faz, as homenagens aos compositores cearenses e também composições próprias do Bloco”, explica Mateus. Ele antecipa que entre as músicas, quatro foram compostas por membros do Luxo e uma, de Fausto Nilo e Moraes Moreira, é inédita.

O álbum carrega consigo essa relação entre o bloco e a Cidade nas músicas de composição do grupo, como antecipa Mateus: “Oh, Linda Fortaleza, por exemplo, fala do fenômeno do Pré-Carnaval de rua e dos blocos da Cidade. Já Serpentina trata do Carnaval, da multidão indo e vindo no meio dessa festa toda.” Além dessas, ele lembra que todo o repertório do Luxo busca valorizar a música carnavalesca regional, como fazem Olinda, Rio de Janeiro e Salvador. “Hoje o Carnaval de Fortaleza canta a própria Cidade”, comemora.

Mesmo sem data de lançamento definida, Tiago Porto revela que as apresentações do Luxo neste ano devem se aproximar do que o público vai ver no álbum. “Nas músicas que estão no CD, a gente vai tentar tocar o mais próximo possível de como foram gravadas”, antecipa. Mateus Perdigão diz que o trabalho deve vir ao público ainda durante este Pré-Carnaval e que o grupo estuda a possibilidade de uma festa de lançamento e espaços de venda durante os shows na Praça do Ferreira.

 

SERVIÇO

 

Bloco Luxo da Aldeia

Quando: todas as sextas-feiras de hoje, 12, a 2 de fevereiro, das 19 às 22 horas

Onde: Praça do Ferreira (rua Floriano Peixoto - Centro)

 

IURY FIGUEIREDO