PUBLICIDADE
Jornal

Selvagens à procura de lei confirmados para o Lollapalooza 2018

Com Lana Del Rey, The Killers e Pearl Jam no festival, os cearenses figuram entre os mais de 70 nomes que irão se apresentar no evento

28/09/2017 01:30:00
NULL
NULL
[FOTO1]

Quatro anos depois da primeira participação no Lollapalooza, os cearenses do Selvagens à Procura de Lei voltarão ao palco no Autódromo de Interlagos no ano que vem. O anúncio foi feito na manhã de ontem, 27. Vocalista da banda, Gabriel Aragão conta que, se em 2014 tudo foi novidade, hoje, o grupo chegará bem mais preparado ao festival que acontecerá nos dias 23, 24 e 25 de março.


“Além dos cabelos, a gente evoluiu muito”, brinca Gabriel, quando questionado sobre o que mudou durante estes anos. “Em 2014, estávamos saindo da turnê do nosso segundo disco. Em 2018, vamos estar saindo do terceiro”.


A diferença é de um disco lançado, mas isto muda completamente o alcance da banda. Se Aprendendo a Mentir, o primeiro CD, transbordou de Fortaleza, foi o álbum Selvagens à Procura de Lei que foi ganhou o Brasil com o hit Brasileiro. A canção ecoou junto com as manifestações de 2013, ano do lançamento do disco.

[QUOTE1]

“Com o Praieiro, a gente conseguiu rodar o Brasil inteiro”, conta Gabriel sobre a turnê do terceiro disco, lançado em 2016. “Algumas capitais brasileiras conheceram ‘Selvagens’ pelo Praieiro, foi uma turnê importante para ‘mostrar a cara’”. O vocalista arrisca, ainda, que o convite para tocar no Lollapaloooza 2018 foi feito graças a esse novo momento da banda com o terceiro CD.


Em 2014, a banda chamou atenção do festival em São Paulo com o lançamento do single Bem-vindo-ao-Brasil, uma música que trata das questões políticas e sociais em torno da Copa do Mundo, que ocorria naquele ano. Agora, eles pretendem repetir o feito com a promessa de levar um novo single para o Lollapalooza, a ser lançado no fim deste ano. Para os fãs de Fortaleza, Gabriel antecipa que o lançamento da música deve ser feito em um show na capital cearense.


Cena brasileira

A banda Selvagens à Procura de Lei não vai sozinha neste sucesso. Artistas como Daniel Medina e o Veronica Valentino fazem parte das vozes de Fortaleza que vêm se espalhando pelo País. No último dia 17, Digão, dos Raimundos, dividiu o palco do Rock in Rio com a banda Projeto Rivera.

 

“É um momento muito rico para a música cearense”, diz Gabriel. Os integrantes do Selvagens moram em São Paulo há quatro anos, mais da metade dos sete anos de existência da banda. Tempo que vai familiarizando o quarteto com a Cidade, traço que já está evidente em Praieiro e que Gabriel afirma que ficará ainda mais claro no próximo disco.


E mesmo com essa intimidade, ele ainda destaca a força que Fortaleza possui na banda: “Aqui a gente vem descobrindo a nossa identidade, não temos medo de usar o nosso sotaque as nossas gírias e a nossa forma de falar”. Selvagens à Procura de Lei estará na Capino próximo dia 29 em um show gratuito no shopping RioMar Fortaleza ao lado do Projeto Rivera.

 

Iury Figueiredo

TAGS
NULL