PUBLICIDADE
VERSÃO IMPRESSA

Atividades do Corredor Cultural do Benfica começam sábado

01:30 | 21/09/2017
O paraense Aldo Sena e o reisado cearense Brincantes Cordão do Caroá são algumas das atrações presentes na primeira edição do projeto FOTOS DIVULGAÇÃO
O paraense Aldo Sena e o reisado cearense Brincantes Cordão do Caroá são algumas das atrações presentes na primeira edição do projeto FOTOS DIVULGAÇÃO

Local certeiro para a boemia e circulação massiva de universitários, o bairro do Benfica contará, a partir deste sábado, 23, com mais um atrativo, desta vez voltado para uma abrangência maior de públicos. O projeto Corredor Cultural do Benfica, realizado pelo Centro de Treinamento e Desenvolvimento (Cetrede) em parceria com a Universidade Federal do Ceará (UFC), fará sua primeira edição destacando uma programação para diversas áreas.

A ideia, no entanto, não vem de hoje. “É um projeto antigo, de uns 40 anos, e não é um projeto autoral. É uma demanda que já existia há muito tempo mas que, por alguns fatores, nunca conseguiu se implementar. Fizemos uma pesquisa junto ao Cetrede e constatamos uma série de dados que intuitivamente já sabíamos, mas que não havia ainda uma pesquisa concreta que embasasse”, explica o produtor executivo Chico Célio Vieira.

De acordo com ele, a programação do Corredor Cultural do Benfica atende a uma demanda também da comunidade que reside no bairro. “A partir de um mapeamento sócio-cultural, um levantamento rua a rua, percebemos que havia uma falta de atividades voltadas para os moradores do bairro nos fins de semana. Então o projeto contempla essas atividades nesse período”, destacou.

No sábado, a programação irá se concentrar na Concha Acústica da UFC com ênfase nas apresentações musicais. A partir das 17 horas, a primeira atração será a Camerata de Cordas da UFC. Na sequência, se apresentam o grupo musical do Cuca Barra, o Maracatu Solar e, por fim, um dos mestres da guitarrada paraense, Aldo Sena.

No domingo, 24, haverá a interdição no trecho da Av. da Universidade que vai da rua Paulino Nogueira à avenida 13 de Maio. A partir das 8 horas, o Corredor Cultural terá um espaço reservado para feira de livros, além de uma praça de alimentação com a participação de representantes da gastronomia do bairro.

Das 10h ao meio-dia será exibida da mostra retrospectiva de filmes de animação, no auditório da Reitoria. Duas oficinas - Brincando de Fazer Notícia: Jornalismo e Cidadania e Confecção de Flipbook -serão realizadas, às 9 horas, no Departamento de Arquitetura (Av. da Universidade, 2890).

“O Benfica vem se constituindo há muitas décadas como um corredor natural de cultura. Então qualquer projeto que tenta sistematizar o que já existe, mapear e otimizar, eu acho muito bem-vindo. Eu acredito e louvo qualquer iniciativa que parta do princípio da intenção de otimizar uma movimentação cultural que já tem a sua dinâmica. Eu acho importante também que algumas entidades que fazem parte desse corredor sejam priorizadas”, afirma Pingo de Fortaleza, cantor, compositor e coordenador de programas e projetos culturais da Associação Solar.

A programação se completa ainda com serviços para o cidadão, ônibus do projeto Brincar Móvel (Sesc), atividades esportivas, visita guiada à exposição UFC 60 Anos e transmissão ao vivo do programa Brasileirinho, da Rádio Universitária FM.

As atividades do Corredor Cultural do Benfica acontecerão uma vez por mês.

 

SERVIÇO

 

Corredor Cultural do Benfica: 1ª Edição

Quando: sábado, 23, das 17h às 21h; e domingo, 24, das 7h às 13h

Onde: Av. da Universidade, entre rua Paulino Nogueira e av. 13 de Maio (Benfica)

Programação gratuita

Outras informações: corredorculturalbenfica.com

 

TERESA MONTEIRO