PUBLICIDADE
Jornal

Fãs de Game Of Thrones debatem rumos da série

Último episódio da sétima temporada de Game of Thrones vai ao ar domingo, 26. Espectadores debatem rumos da série

23/08/2017 01:30:00
NULL
NULL
[FOTO1]

Os espectadores da série Game of Thrones (GoT), transmitida pelo canal HBO, nunca puderam reclamar de marasmo. Mortes recorrentes, batalhas, golpes e (muito) sangue dão o tom da obra, que terá o encerramento da sétima temporada transmitido no próximo domingo, 27. O ano foi agitado para os fãs. Eles conviveram com roteiros vazados por hackers e até um episódio exibido por engano pela HBO da Espanha.


A narrativa da série foi guiada pelos livros de George R. R. Martin até a quinta temporada. Com estado de saúde frágil, o autor trabalha vagarosamente na continuação dos textos. Desde a sexta temporada, portanto, os roteiristas trabalham apenas com indicações do escritor. E isso tem feito a diferença na condução da trama. Em 2018, vai ao ar a última temporada de um dos produtos audiovisuais mais rentáveis, consumidos e pirateados da década. Instigados por O POVO, fãs refletem sobre os caminhos da série.

 

O inverno


A penúltima temporada de Game of Thrones declara o início da grande batalha desenvolvida desde a primeira cena do primeiro episódio. A chegada do inverno bota em risco a sobrevivência dos vivos, e todos os outros problemas apresentados no decorrer da narrativa ficaram minúsculos diante do quão é a real essa ameaça.


Ao final da sétima temporada, chegaremos ao ponto crítico, que terá sua resolução no oitavo e último ano de GoT. Declarações do próprio criador da história apontam um fim agridoce para a trama. No entanto, quando se trata do seriado, os fãs podem se deparar com um término diferente de As Crônicas de Gelo e Fogo, podendo, de certa forma, agradar aos espectadores mais corriqueiros, e desagradar os admiradores mais envolvidos com o universo.


Essa visão se dá pelas atuais decisões de roteiro do seriado, que destoam em muitos momentos da maneira como o próprio autor costuma contar a história nos livros. Assim como o fato de a maioria dos espectadores não acompanharem as obras escritas.


Ao término da atual produção, os fãs serão contemplados com produções audiovisuais de histórias que passam antes dos acontecimentos da série, como o próprio Martin já noticiou. Desta forma, a franquia ainda estará presente por muitos anos, como acontece com Harry Potter, Star Wars e Senhor dos Anéis. Ou seja, o fim, na verdade, é o começo de um mergulho intenso de tramas mágicas e intensas do “mundo de gelo e fogo”.

Alice Falcão, apresentadora do canal Bacontástico

 

 

Briga de irmãos

Com a recente revelação de que Jon Snow é, de fato, um Targaryen legítimo, é provável que tal fato acabe por influenciar na decisão de quem tomará o Trono de Ferro ao final da série. O interesse romântico entre Jon e Dany é palpável, mas alguns fãs apostam que os protagonistas irão entrar em conflito em algum momento. Contudo, as chances dos dois acabarem como inimigos é mínima, tendo em vista que apenas sete episódios separam a história de seu final.


Dentre todas as teorias desenvolvidas pelos fãs, a de que Jaime acabará por matar sua irmã é, talvez, a mais próxima da verdade. Seja por conta da antiga profecia ou pelas pequenas dicas dadas durante a atual temporada, as especulações ganham cada vez mais força. Por mais que o ato, caso ocorra, perca o fator surpresa graças a antecipação, é certo que seria um dos pontos altos de Game of Thrones, ao apresentar um fim tão dramático para a
melhor vilã.


Por restarem poucos episódios pela frente, é provável que os atuais absurdos da narrativa continuem no próximo ano. Distâncias percorridas em tempo recorde, conveniências de roteiro e diálogos expositivos devem permear o final de GoT. Resta aguardar para que tais defeitos não ofusquem o encerramento da série mais pop da década.

Hamlet Oliveira, jornalista

 

 

Pontas soltas

 

Nas primeiras temporadas, quando os episódios se propunham a expandir o universo ficcional da obra, era mais fácil explorar um número maior de enredos e de personagens. Além disso, o elemento mágico não era fator dominante, e a obra se concentrava muito mais nos conflitos humanos pelo poder do que nas ameaças sobrenaturais que pairavam sobre Westeros. Mas, à medida que esse universo tem se contraído em direção ao seu encerramento, essas ameaças têm se intensificado, reunindo dragões e Caminhantes Brancos como a tensão central da série. Por isso, o manuseio do aspecto fantástico e a manutenção da coerência interna do enredo têm se tornado mais difíceis, ainda mais se considerarmos o encurtamento das temporadas e a pressa para unir, antes do fim, as pontas que ainda estão soltas.


Apesar da promessa de que a série da HBO será encerrada seguindo os acontecimentos dos livros que ainda não foram publicados, mas que foram revelados por Martin para os produtores, podemos esperar um afastamento e independência cada vez maiores entre as duas obras. Além disso, acredito que essa apropriação mais enfática do elemento mágico, ao permitir uma aproximação mais evidente com o conceito tradicional do fantástico, que aborda a luta maior do bem contra o mal, encerra o objetivo final da narrativa que, assim como aquele de outros universos fantásticos, culminará com o triunfo da vida sobre a morte. Isso concede a Jon Snow e a Daenerys uma chance de sobrevivência e coroação ao final. Mas, além de apreciar uma boa morte, não deposito mais as minhas esperanças na sobrevivência de personagens de Martin.

Ana Karine Dantas, mestranda em Literatura Comparada pela UFCE

 

 

PRÓXIMO DOMINGO

 

Season finale em Fortaleza

 

O que um dia pareceu uma atividade solitária, hoje já não é mais. Em bares e restaurantes de Fortaleza, assistir a Game Of Thrones é coisa que se faz em grupo, todo domingo. Cheios de atrações, os ambientes já se organizam especialmente para receber os fãs nesta season finale.


O Órbita Bar, por exemplo, que já preparou uma decoração especial e um debate sobre a série, promete também entrada gratuita para quem for fantasiado, além de um prêmio para a melhor fantasia. O Boozer’s Pub, no Meireles, e o Bulls Beer House, na Parquelândia, testam o conhecimento dos fãs com quizes sobre o universo de GoT. O Geeks Game Bar, que já possui um mapa de Westeros no ambiente, traz uma promoção de cervejas para quem quer curtir a noite. No Montese o La Bombonera vai desligar as luzes do salão para reprisar o episódio anterior e, às 22 horas, exibir o último episódio da temporada. (Iury Figueiredo/Especial para O POVO)

 

O POVO online


Veja a lista de locais que irão exibir a season finale em: www.opovo.com.br/vidaearte

 

Isabel Costa

TAGS