PUBLICIDADE
Jornal
DESVIOS NAS ELEIÇÕES 2018

Campanha teve mais funcionários contratados que votos

12/02/2019 04:35:19
Casa usada como gráfica nas eleições, no bairro Vila Pery (Foto: Gustavo Simão/Especial para o POVO)
Casa usada como gráfica nas eleições, no bairro Vila Pery (Foto: Gustavo Simão/Especial para o POVO)

Segundo informações prestadas à Justiça Eleitoral, campanha de Débora Ribeiro (Pros) a deputada estadual contratou 141 pessoas para prestação de serviços durante a eleição passada. O número de funcionários é três vezes maior que os 47 votos obtidos pela candidata.

Leia também:

Partido repassou R$ 274 mil a possível candidata laranja

Irmã e funcionários de deputado foram pagos por campanha de candidata

Gráfica que recebeu pagamentos da campanha não funciona no endereço informado; local é uma casa

Do total de pessoas contratadas, 27 receberam repasses altos, de R$ 4 mil a R$ 5 mil, para exercerem função de "coordenadoras" e outras 11 foram contratadas como "supervisoras" de atos eleitorais de campanha.

Entre os militantes contratados, estão diversas pessoas que moram em Sobral e Tianguá, municípios onde Débora Ribeiro não obteve nenhum voto. Outros militantes aparecem nas redes sociais fazendo campanhas para outros candidatos a deputado estadual.

Chama atenção também o grande número de pessoas que receberam repasses expressivos em troca de militância. Ao todo, 32 contratados receberam mais que R$ 4 mil pela participação na campanha de Débora, valor bem acima do praticado por outras candidaturas.

Carlos Mazza