Warning: include_once(includes/paginas/opovo/online/geral/header.php): failed to open stream: No such file or directory in D:\msx\wwwroot\portal\opovo\src\scripts\Includes.inc.php on line 305

Warning: include_once(): Failed opening 'includes/paginas/opovo/online/geral/header.php' for inclusion (include_path='.;C:\php\pear;D:\msx\wwwroot\portal\opovo\src/libs/google-api-php-client/src/') in D:\msx\wwwroot\portal\opovo\src\scripts\Includes.inc.php on line 305

VERSÃO IMPRESSA

Mananciais da Capital não têm projetos de despoluição

Recursos Hídricos | Prefeitura diz que prevê empréstimo de U$S 150 milhões para projetos que incluem despoluição

01:30 | 13/10/2018

[FOTO1] 

Em várias horas do dia é possível ver uma água azul escura saindo de um grande duto em direção à Lagoa da Parangaba. De acordo com moradores, o dejeto provém de uma fábrica localizada próxima ao manancial. A olho nu, de um só ponto da encosta, é possível contar pelo menos mais três grandes dutos que também levam esgoto e lixo para o local. Com projeto de requalificação assinado recentemente, a obra prevê mudanças no entorno, limpeza no espelho d'água, mas não a despoluição.

 

João Renan Silva, 42, motorista, mora no entorno da lagoa e conta que todos os dias há mau-cheiro forte. Ele lamenta a situação e afirma que existem muitas ligações clandestinas no local. "A população tenta manter o entorno limpo, colocamos esses bancos, mas com os esgotos não adianta. Eu lembro de quando a gente podia era tomar banho aqui", lamenta.

 

Da ponte da avenida Alberto Craveiro é possível ver a passagem do açude Uirapuru que acumula mais de 600 mil coliformes fecais a cada 100 ml. De acordo com relatório da Secretaria Municipal do Urbanismo e Meio Ambiente (Seuma), os altos índices de poluição ocorrem devido, essencialmente, "aos efluentes com substâncias químicas presentes e aos advindos de comunidades que são despejados sem tratamento". Em Fortaleza, conforme dados do Atlas Esgoto, da Agência Nacional das Águas, 56 toneladas de carga remanescentes chegam todos os dias aos corpos hídricos.

 

A única lagoa balneável em Fortaleza, conforme o boletim da Seuma, de outubro de 2017, é o açude da Viúva, no Conjunto Sumaré. Conforme o documento, é a distância de território urbano que mantém o açude preservado. Apesar de não estar dentro do grau balneabilidade, a Lagoa da Maraponga também se aproxima de ser considerada limpa.

 

O POVO solicitou entrevista sobre despoluição de lagoas com a Prefeitura que se comunicou por meio de nota. De acordo com a Seuma, para atuar no combate à poluição dos recursos hídricos será implementado o Programa Fortaleza Cidade Sustentável.

 

A pasta afirma que o programa se dará após empréstimo, que deve ser encaminhado para aprovação do Senado, no valor de US$ 150 milhões junto ao Banco Mundial. O projeto "viabilizará a ligação gratuita à rede pública de abastecimento de água e coleta de esgoto em domicílios de baixa renda".

 

A Cagece, que também se pronunciou por meio de nota, afirmou que de janeiro a julho deste ano, realizou o serviço educativo de fiscalização na rede coletora de esgoto em cerca de 6.000 imóveis no entorno da lagoa da Parangaba. Destes, 208 estavam interligados indevidamente à rede de drenagem, responsável por manejar água pluviais. "Os clientes foram devidamente sensibilizados e orientados a regularizarem a situação", afirmaram.

 

Mesmo não prevendo despoluição, a Prefeitura estimou em nota que as obras de requalificação da Lagoa da Parangaba devem melhorar balneabilidade. Sobre a fiscalização dos outros pontos, a Seuma informou que "Agência de Fiscalização de Fortaleza realiza diariamente ações de combate à poluição hídrica.

 

MARAPONGA 

 

A lagoa da Maraponga não é própria para banho. Mas, entre as lagoas poluídas, é a que está em melhor situação entre as lagoas. O espelho d'água também mantém parte da mata ciliar

 

Técnicas que podem ser usadas na despoluição

 

Remoção de Esgotos Irregulares: a maior parte da poluição das lagoas se dá pelo descarte de esgoto irregular em rios e lagoas. Um dos primeiros passos é eliminar completamente as fontes dejetos ou qualquer outra fonte de poluição como rejeito de produtos químicos de fábricas.

 

Dragagem: para remover lixo de dentro das áreas lacustres é preciso realizar uma dragagem, que faz a desobstrução, remoção, derrocamento ou escavação de material do fundo de rios, lagoas, mares, baías e canais de acesso a portos.

 

Coagulantes químicos: são produtos que conseguem aglutinar partículas bem menores de poluição. Além disso são usados produtos microaeradores para que a água receba oxigenação. Com isso, os sólidos chegam à superfície e podem ser removidos com mais facilidade.

 

Reforço das matas ciliares: são elas que impedem a penetração de substâncias para os rios e lagoas.

 

Medidas sociais: além de ações e técnicas químicas e de engenharia para limpeza das águas, a relação de fiscalização e educação social de combate à poluição são fundamentais.

 

Políticas de continuidade: mesmo no Rio Tâmisa, considerado modelo de despoluição no mundo, todos os dias, um barco faz a limpeza de toneladas de lixo.

 

SERMIÁRIDO

 

Levantamento da Agência Nacional das Águas mostra que o Ceará apresenta alta concentração de fósforo e nitrogênio, nos corpos hídricos

TAGS


Warning: include_once(includes/paginas/opovo/col.dir.php): failed to open stream: No such file or directory in D:\msx\wwwroot\portal\opovo\src\scripts\Includes.inc.php on line 305

Warning: include_once(): Failed opening 'includes/paginas/opovo/col.dir.php' for inclusion (include_path='.;C:\php\pear;D:\msx\wwwroot\portal\opovo\src/libs/google-api-php-client/src/') in D:\msx\wwwroot\portal\opovo\src\scripts\Includes.inc.php on line 305

Warning: include_once(includes/paginas/opovo/online/geral/footer.php): failed to open stream: No such file or directory in D:\msx\wwwroot\portal\opovo\src\scripts\Includes.inc.php on line 305

Warning: include_once(): Failed opening 'includes/paginas/opovo/online/geral/footer.php' for inclusion (include_path='.;C:\php\pear;D:\msx\wwwroot\portal\opovo\src/libs/google-api-php-client/src/') in D:\msx\wwwroot\portal\opovo\src\scripts\Includes.inc.php on line 305