VERSÃO IMPRESSA

Hub chega para Fortalecer a economia do Ceará

| AIR FRANCE-KLM/GOL | Com o centro de conexões de voos, a expectativa é que o número de passageiros no Aeroporto de Fortaleza aumente em 1,5 milhão, incremento de quase 25%

01:30 | 04/05/2018
[FOTO1]


Um marco na atração de investimentos no Ceará, fomento de parceiras com o Exterior e fortalecimento da Capital como centro de conexões de voos no País. Essa é a perspectiva da implantação do hub da Air France-KLM/Gol, inaugurado ontem. Com o equipamento, espera-se que o número de passageiros aumente em 1,5 milhão, incremento de quase 25% frente à movimentação de pessoas registrada do Aeroporto de Fortaleza em 2017 — que atingiu 5,92 milhões.
[SAIBAMAIS]
“É um passo importante na consolidação de um centro de conexões no Nordeste a partir de Fortaleza”, disse o governador Camilo Santana (PT). O próximo passo é fortalecer a promoção do Ceará na Europa. “Foi feito um trabalho com os operadores de turismo a fim de promover o Estado a partir desse voo em Paris. Queremos também promover o Ceará no continente asiático”. No caso da Ásia, Camilo projeta eventuais parcerias com a China. 

 

“Com essa rota, podemos reduzir o tempo, por exemplo, até Pequim. A posição privilegiada do Ceará colabora”, ressaltou.
[FOTO2]
O governador também adiantou que os estudos sobre o impacto do hub no Ceará, encabeçado pelo Instituto de Pesquisa Estratégica Econômica do Ceará (Ipece), está concluído e deve ser apresentado nas próximas semanas. “Ele contém os impactos, a geração de empregos e oportunidades”, informou. No âmbito da qualificação de mão de obra local, Camilo aponta uma parceria com o Liceu da França e escolas públicas do Estado. “Vamos fortalecer e capacitar a nossa mão de obra, não somente na área do turismo, mas também na gastronomia e outros segmentos”, disse.
[FOTO3] 

Expandir a participação da Air France-KLM é uma das estratégias elencadas pela companhia franco-holandesa com a implantação do hub na Capital. 

 

“Fortaleza é o terceiro destino no Brasil para o qual a KLM opera voos diretos.  Isso fortalece a posição da KLM operando no mercado brasileiro, tanto para viagens de negócios quanto para lazer. Além dos serviços diários para São Paulo e Rio de Janeiro, estes voos, três vezes por semana para Fortaleza, fazem com que a KLM atinja a marca de 17 frequências semanais para o Brasil”, reforça Pieter Elbers, presidente e CEO da companhia.
 

A construção do trabalho iniciado há um ano foi observado por Jean-Marc Pouchol, diretor-geral do Grupo Air France-KLM América do Sul.
 

“É um momento de grande emoção para nós. É a concretização do nosso trabalho, é muito satisfatório podermos ver nossos clientes e as aeronaves pousando em Fortaleza”, ressaltou.
 

Já Paulo Kakinoff, presidente da Gol, falou da facilidade de conexão dos clientes do Norte e do Nordeste para a Europa. “Trabalhamos em conjunto para oferecer o menor tempo de conexão do mercado, ajustamos nossos horários, incluímos mais voos, com mais eficiência e conforto para os nossos clientes”, afirmou.  

 

O alemão Detlef Schuhmann, 58 anos, veio a Fortaleza visitar a esposa Viviane Schuhmann, voando a primeira vez pela Air France. Antes levava quase um dia de viagem para chegar ao Brasil. Pelo hub, levou 10 horas e 30 minutos no trajeto entre Bremen / Paris / Fortaleza. A passagem também ficou 25% mais barata. “Voos pontuais, equipamento de qualidade, ótima alimentação e tripulação muito simpática”, diz. 

ÁTILA VARELA

TAGS