VERSÃO IMPRESSA

Poucas vagas em abrigos na Capital

01:30 | 23/04/2018

Fortaleza conta com dois abrigos, na Jacarecanga, que recebe homens, e na Parangaba, que recebe mulheres e famílias. No entanto, cada unidade conta com apenas 50 vagas. Nesses locais, os moradores têm acesso a quatro refeições por dia, além de atender as necessidades de higiene e limpeza. Há um outro equipamento para abrigamento, a Casa de Passagem, que tem o perfil de acolhimento em tempo curto.


Além dos abrigos, a rede municipal conta com dois Centros de Referência Especializado para População em Situação de Rua (Centro Pop), no Centro e Benfica. Cada um atende uma média de 80 pessoas por dia, entre 8 e 17 horas.


Há também o Centro de Convivência que recebe até 200 pessoas por dia e a Pousada Social, com 80 vagas, ambas no Centro.


CASA

Conforme o Plano de Habitação de Interesse Social, de 2012, o déficit habitacional chega a cerca de 100 mil habitantes. Os dados do Plano PluriAnual (PPA) 2018-2021 citam 79 mil unidades o déficit habitacional em Fortaleza

GABRIELLE ZARANZA

TAGS