PUBLICIDADE
Jornal

Lula pede outra vez para ser ouvido antes

04/01/2018 01:30:00
Os advogados do ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva reiteraram ontem ao Tribunal da Lava Jato que o ex-presidente seja novamente ouvido antes do seu julgamento, marcado para o próximo dia 24.

 

Em petição endereçada ao desembargador João Pedro Gebran Neto, relator dos processos da Lava Jato no Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), a defesa do petista alega que seu interrogatório pelo juiz Sergio Moro, no dia 10 de maio de 2017, “foi totalmente viciado”. Os advogados sustentam que Moro “dirigiu a ele (Lula) perguntas estranhas ao processo” e “não permitiu ao ex-presidente exercer o direito de autodefesa com plenitude”.


Nesse processo - sobre o famoso triplex do Guarujá -, Moro condenou Lula a nove anos e seis meses de prisão, por corrupção passiva e lavagem de dinheiro que teria recebido da empreiteira OAS na forma de obras de melhorias do imóvel. 

 

(Agência Estado)

TAGS
NULL