PUBLICIDADE
Jornal

Governo quer pagar salários

06/01/2018 01:30:00


O movimento de agentes da segurança pública do Rio Grande do Norte já entrou na terceira semana ainda sem uma solução. O governo do estado se reuniu com representantes das categorias e apresentou novas propostas com o objetivo de resolver o impasse.
 

Representantes da administração prometeram o pagamento do salário de dezembro até o dia 12.
 

Os policiais civis e militares e bombeiros ainda não receberam o vencimento de dezembro nem o 13º salário. Além disso, reivindicam melhores condições de trabalho, como equipamentos adequados e manutenção de viaturas, consideradas sem condições para rondas. Eles também solicitam a não instauração de procedimento administrativo contra quem participa do movimento que reduziu o policiamento nas ruas.
 

As mobilizações tiveram início no dia 20 de dezembro. Policiais civis paralisaram parte dos serviços e passaram a trabalhar em escala de plantão. Policiais e bombeiros militares realizam operações-padrão, como patrulhamento apenas em veículos em condições adequadas. A redução da atividade policial motivou o envio de tropas do Exército e da Força Nacional ao estado.
 

Os policiais e bombeiros militares se reuniram em assembleia ontem e decidiram manter o movimento.

TAGS
NULL