PUBLICIDADE
Jornal

Detento é encontrado morto com marcas de espancamento

A Sejus afirma que só terá informações sobre a razão da morte nesta segunda. O culpado pela morte não foi localizado pelas equipes da pasta

16/10/2017 01:30:00
NULL
NULL
[FOTO1]

Um detento foi encontrado morto neste domingo, 15, no interior do Instituto Penal Professor Olavo Oliveira (IPPOO II), em Itaitinga, na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF).


Segundo a assessoria de imprensa da Secretaria da Justiça e Cidadania do Ceará (Sejus), o corpo de Jonatan da Silva Rocha tinha diversas marcas de espancamento. O achado de cadáver aconteceu durante à tarde de ontem.


Agentes da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) da Polícia Civil do Ceará e da Perícia Forense do Ceará (Pefoce) estiveram no local para adotar os procedimentos necessários após a descoberta do corpo.


Apesar dos trabalhos preliminares durante a tarde de ontem, a Sejus afirmou que somente nesta segunda, 15, terá informações sobre a razão do detento ter sido preso. O culpado da morte não foi localizado pelas equipes da pasta no IPPOO II.


Detentos recapturados


Além do caso, outro episódio envolvendo o sistema penitenciário do Estado ocorreu neste domingo. Três presos, que conseguiram escapar na noite de sábado, por volta das 19 horas, da Casa de Privação Provisória de Liberdade Professor Clodoaldo Pinto (CPPL II), também em Itaitinga, foram recapturados pela Polícia na madrugada deste domingo.


Segundo nota enviada pela assessoria de imprensa da Sejus, os internos conseguiram escapar da unidade prisional por meio um túnel.

Enquanto os detentos fugiam, um grupo de pessoas trocava tiros com policiais e agentes penitenciários estacionados em uma guarita do lado de fora da unidade.


A Sejus destaca, no entanto, que ninguém ficou ferido. Logo após a fuga ter sido descoberta, ainda segundo a nota, as forças de segurança iniciaram os trabalhos de recaptura, que foram concluídos durante a madrugada de ontem.


A CPPL II inclui o Complexo Penitenciário Itaitinga II, onde estão hoje diversos criminosos ligados à facção criminosa Comando Vermelho.

Também operam lá as CPPLs 3, 4 e 5.


Agentes da unidade e do Grupo de Ações Penitenciárias (GAP) realizaram, na CPPL II, o fechamento externo do buraco utilizado pelos criminosos, para que ele fosse bloqueado ainda na madrugada de domingo. A contagem geral dos detentos será realizada nesta segunda, 16. (Redação O POVO Online)

Adriano Nogueira

TAGS