PUBLICIDADE
Jornal

Maduro diz que opositor participou de reuniões

18/09/2017 01:30:00

O presidente venezuelano, Nicolás Maduro, assegurou ontem que o líder opositor Leopoldo López, em prisão domiciliar, participou de encontros destinados a uma negociação para acabar com a crise política no país. “O Sr. Leopoldo López, mesmo em sua condição de detento, participou de reuniões”, afirmou o presidente, sem especificar as datas dessas reuniões. López, preso desde fevereiro de 2014, foi colocado em prisão domiciliar no dia 8 de julho por questões de saúde. Cumpre pena de 14 anos acusado de incitar violência em atos contra Maduro que deixaram 43 mortos naquele ano.
 

O governo venezuelano e a coalizão de oposição MUD iniciaram na quarta-feira passada contatos da República Dominicana para estabelecer as bases para uma negociação.
 

No entanto, de acordo com Maduro, as partes estão em contato há mais tempo. “Se eu contasse o número de reuniões entre março de 2016 e 2017, poderíamos dizer mais de 100”. Depois de ter concordado com a participação do Chile, México, Bolívia e Nicarágua como fiadores, os delegados de Maduro e a MUD se encontrarão de novo em Santo Domingo em 27 de setembro. 

 

AFP

Adriano Nogueira

TAGS