PUBLICIDADE
Jornal

Caixa antecipa liberação de saques de contas inativas do FGTS

A Caixa Econômica preparou um esquema especial de atendimento: 2.015 agências estarão abertas no sábado, das 9 horas às 15 horas, e outras 69 unidades terão plantão para auxílio no autoatendimento de clientes

07/06/2017 01:30:00
NULL
NULL

[FOTO1]
A Caixa Econômica Federal antecipou novamente o calendário de saques de contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). Para os beneficiários nascidos em setembro, outubro e novembro, os pagamentos começam no próximo sábado, dia 10, quase uma semana antes da previsão inicial (16/6). Nesta quarta fase, estão disponíveis R$ 10,9 bilhões para 7,5 milhões de trabalhadores.


A Caixa preparou um esquema especial de atendimento: 2.015 agências estarão abertas no sábado, das 9 horas às 15 horas, e outras 69 unidades terão plantão para auxílio no autoatendimento.
Nos dias 12, 13 e 14, todas as agências abrirão duas horas mais cedo que o habitual. Correntistas da Caixa poderão autorizar o recebimento diretamente na conta pelo site do banco.
 

Podem sacar os recursos das contas inativas trabalhadores que pediram demissão ou foram demitidos por justa causa até 31 de dezembro de 2015. A Caixa já identificou que quase a totalidade dos pagamentos ocorre nos primeiros quatro dias a partir da liberação.
 

O sucesso da medida levou o presidente da Caixa, Gilberto Occhi, a projetar um valor total de saques maior que o estimado inicialmente. “A perspectiva de pagamentos se aproxima dos R$ 40 bilhões”, disse ontem. No começo, falava-se na liberação de algo entre R$ 30 bilhões e R$ 35 bilhões. Segundo Occhi, houve ainda a revisão no status de algumas contas, antes consideradas ativas pelo banco por falta de apresentação da rescisão contratual por empresas. Com essas contas declaradas inativas, houve um incremento nos saques.
 

O valor total disponível para os trabalhadores é de
R$ 43,6 bilhões. “Nunca descartamos possibilidade de saque de total das contas inativas”, afirmou a vice-presidente de Fundos de Governo e Loterias da Caixa, Deusdina Pereira. O índice de saques está muito próximo da integralidade: entre 10 de março e 2 de junho, chegaram a 95,2% do valor disponível no período, o equivalente a R$ 27,6 bilhões.
 

O governo deve reavaliar os impactos da medida sobre a atividade econômica. Com as projeções anteriores, a estimativa era de um impacto equivalente a 0,5% do Produto Interno Bruto (PIB).
(Agência Estado)

Adriano Nogueira

TAGS