VERSÃO IMPRESSA

Sempre cabe mais um

O transporte de carga em carros de passeio deve ser feito com acessórios apropriados para não infringir a lei

01:30 | 19/07/2018
[FOTO1]

Em viagens, se o porta malas não é o suficiente para acomodar todas as bagagens, é comum que elas sejam deslocadas para a cabine de passageiros ou para a parte externa. O aposentado Nilo Veloso, 67, começou a andar de bicicleta com frequência há 15 anos. "Eu fumava e resolvi parar de fumar, aí engordei muito. Juntando o dinheiro que era do cigarro, comprei uma bicicleta e comecei a conhecer as pessoas", conta. Hoje, organiza o grupo de passeios de bicicleta Pedal Urbano Nilo Veloso, mas gosta de pedalar mesmo quando não está no coletivo. Assim, usa seu suporte de bike, acoplado no gancho de reboque, com capacidade de comportar até duas unidades, para transportá-la para serra, para praias distantes ou para a manutenção com segurança.

[SAIBAMAIS] 

Além disso, instalou racks no teto do veículo para poder levar e trazer suas varas de pescar quando vai a Praia das Fontes ou Taíba por lazer, de 15 em 15 dias, mantendo o hábito que tem desde criança. "Levo três varas de pescar. São duas racks e eu amarro as varas com liga de borracha. As varas de bambu medem 3,2m. É bem seguro, é bem amarrada. Elas passam pouco da caminhonete", afirma.

São vários os acessórios que podem ser agregados nos automóveis para que a carga seja devidamente transportada.

Segundo Cristovão Firmo, proprietário da C2 Acessórios e Borrachas, os racks de alumínio são mais adequados para o clima do litoral, já que o de ferro se deteriora com mais facilidade em decorrência da intensa umidade. Também, é necessário se atentar para o peso máximo que o equipamento suporta e o material utilizado para vedar os furos caso sejam necessários. "O teto pode afundar, aguenta uns 60kg. A questão da furação do teto é só furar direitinho e fazer a vedação para não ter infiltração no carro. O pessoal quer fazer com silicone, mas silicone não segura nada não, tem que fazer com a cola mesmo", explica. Em sua loja, os racks de alumínio são vendidos entre R$ 580 e R$ 750.

Os maleiros são outra opção para quem precisa de espaço extra. De acordo com Adriana Soares, vendedora da loja O Borrachão, enquanto as caixas que abrem para cima e só possuem uma chave são mais vendidas para carros pequenos, os equipamentos que possuem aberturas pelas laterais e têm duas chaves são mais vendidos para automóveis com altura maior. "É na faixa de 52kg, todas elas. Precisam das longarinas e as travessas. Nela própria tem uma garra, ela abraça uma longarina, ela enrosca e vai e prende", ressalta. Podem ser encontradas nos tamanhos de 210L, 330L e 440L, com preços variando de R$ 1.215 a R$ 2.599.

Quanto aos extensores de caçambas, tanto Cristovão Firmo quanto Francisco Jucá, diretor da empresa Discar Distribuidora de Acessórios, desistiram de vender devido à baixa procura.

"Dificilmente você vê uma picape com extensor de caçamba, eu vendia mais para o interior. Também era um produto muito caro, para eu vender para a loja já era quase mil reais e a loja vendia por quase R$ 2.000", analisa Jucá. Frente a isso, Cristovão preferiu se especializar em mão de obra que pudesse instalar os aparelhos em vez de comercializar as peças. O serviço gira em torno de R$ 250 a R$ 400.

BAGAGEM 

Suporte de bicicleta

Há suportes que podem transportar de uma a três bicicletas. Elas podem ser acomodadas tanto no teto do carro quanto na parte traseira. Porém, não se esqueça de adquirir uma placa do automóvel extra caso as bicicletas obstruam a visibilidade.

Bagageiro e maleiro

Os bagageiros devem ser instalados no teto do carro. Não se esqueça de pesar a carga antes de colocá-la no maleiro. É importante que não ultrapasse do peso indicado pelo fabricante para não causar danos ao veículo.

Pets

Os bichinhos não podem ser levados no colo, por mais que sejam pequenos. Para garantir a segurança deles e dos passageiros, é exigido que eles sejam transportados em caixas adequadas ou sejam presos por um cinto de segurança próprio para essa função.

VOCÊ SABIA?

O tamanho do porta-malas de um carro é sinalizado por litros.

Essa medida em volume é regulada pela norma internacional ISO 3832. Mas, a montadora não enche o porta-mala com água pra fazer o cálculo. A medição é feita com cubos de madeira ou isopor que medem 20 x 10 x 5 cm. A montadora enche o porta-malas com esses cubos que equivalem a 1 dm³ ou 1litro até ser possível fechar o porta-malas sem problemas. Conta-se os cubos e chega-se ao volume oficial do porta-malas em litros.

SERVIÇO

O Borrachão

Av. Barão do Rio Branco, 2116

Funcionamento: 8h às 18h (85) 3252-4488

C2 Acessórios e Borracha

R. Barão de Aratanha, 1197 - Fátima

Funcionamento: 8h às 18h (85) 3226-5747

Discar Distribuidora Acessórios

R. Carlos Vasconcelos, 2206 - A - Joaquim Távora

Funcionamento: 8h às 18h (85) 3246-3246

LORENA MARCELLO

TAGS