PUBLICIDADE
VERSÃO IMPRESSA

Para aprender de um jeito lúdico

O uso dos jogos digitais na Educação: processo de ensino e aprendizagem na contemporaneidade

01:30 | 08/10/2018

Atualmente a sociedade vivencia a chamada era tecnológica na qual as tecnologias digitais mostram grande potencial didático-pedagógico, nos processos de ensino e aprendizagem dos conteúdos curriculares, de todos os níveis e modalidades da Educação.

A utilização dos jogos digitais como instrumento facilitador do processo de ensino e aprendizagem vem tornando-se cada vez mais exitosa, pois além da ludicidade, os jogos propiciam o desenvolvimento cognitivo e afetivo dos alunos e fomentam a obediência às regras o que contribui para redução da indisciplina na sala de aula.

Os jogos podem ser motivadores e muito poderosos na estimulação da construção do raciocínio lógico. Eles também permitem um aumento da concentração e foco na realização de tarefas e, contribuem, para o desenvolvimento da memória.

 

Os desafios que surgem ao longo do jogo proporcionam, ao aluno, a necessidade pela busca de soluções trazendo à tona diferentes situações problemas. Nessa perspectiva, cabe ao professor avaliar quais jogos mais se adequam aos objetivos que ele pretende alcançar em relação aos conteúdos da sua disciplina, pois o uso despropositado, arbitrário e não planejado pode levar ao insucesso na aprendizagem dos conteúdos.

Há diversos jogos digitais com diferentes recursos tecnológicos apropriados e necessários ao seu uso, mas é importante frisar que a sua adequação didático-pedagógica e o seu alcance educativo são aspectos indissociáveis para sua eficiente utilização em sala de aula no que concerne ao processo de ensino e aprendizagem dos conteúdos curriculares.

É notório que os jogos digitais são mais uma das opções no cenário educacional da contemporaneidade, onde as tecnologias digitais estão na crista da onda, mas é imprescindível refletir sobre as metodologias utilizadas a partir da inserção desses jogos, pelos professores em sala de aula, e da sua real contribuição no processo formativo dos alunos do mundo moderno.

É importante pontuar também que, dependendo do jogo digital utilizado, o professor poderá estimular a participação cooperativa entre seus alunos, a competitividade imbuída de respeito e valores éticos entre os participantes, a prudência e o senso de ousadia, a noção de lógica estrategista, etc.

Por tudo isso, os jogos digitais se constituem em artifícios poderosos para que os docentes possam transpor muitas dificuldades inerentes ao processo de ensino e aprendizagem do atual cenário da Educação.

 

Prof. Me. Lincoln César Fernandes Gomes

Biólogo

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará - IFCE

Campus Boa Viagem-CE