VERSÃO IMPRESSA

A profissão que alimenta o mundo

Zootecnia e o zootecnista são profissões que existem no mundo desde 1843 e garantem a saúde e qualidade dos alimentos na mesa de todos

01:30 | 14/05/2018
[FOTO1]

IMAGINEM SÓ: Domingo sem CHURRASCO, hambúrguer sem CARNE, chupeta sem MEL, goiabada sem QUEIJO, a vida sem LEITE e sem OVOS... Agora imaginem que todos estes produtos são produzidos sob o controle e a orientação de um profissional que tem a responsabilidade de garantir a segurança e qualidade destes produtos até que eles cheguem à sua mesa. Graças a Deus que existe o ZOOTECNISTA!


No mundo, desde 1843 que se conhece a Zootecnia como arte e ciência de criar animais. No Brasil, em mais de meio século a Zootecnia e o Zootecnista vem contribuído para que o País atingisse a hegemonia que possui na agropecuária. Somos o maior exportador de carne bovina do mundo, nosso frango é o mais competitivo do planeta onde somente este ano esperamos chegar a mais de 13 milhões de toneladas de carne, nosso suíno tem experimentado grande crescimento impulsionado pelo consumo interno e por exportações. Falaria ainda do leite, mel, peixe, camarão, ovinos e caprinos, insetos, anfíbios e repteis úteis ao homem que fazem parte do leque de produtos que colocam o Brasil como celeiro do planeta.


Sendo o Zootecnista o profissional legalmente habilitado para atuar em todos os ramos e aspetos da produção animal, o trabalho deste profissional inicia-se no campo, mas termina dentro da sua casa. Da porteira para dentro, o Zootecnista trabalha desenvolvendo e adaptando tecnologias e processos produtivos que envolvem conhecimentos de nutrição animal, reprodução e melhoramento genético das espécies, construções rurais, comportamento, bem estar animal e prevenção de doenças. Juntas, estas tecnologias e processos promovem aumento de produtividade e oportunizam a geração de produtos de alto valor biológico para a sociedade.


Da porteira para fora, o Zootecnista contribui para que esse alimento de origem animal chegue a sua mesa com toda qualidade com que ele foi produzido. A rastreabilidade, ferramenta utilizada pelo Zootecnista, é uma realidade! Ela permite o acompanhamento e controle da logística, do processo de abate, da geração do produto e do seu acondicionamento, até a efetiva disponibilidade para o consumidor. Trabalhando em supermercados, o Zootecnista contribui para que, agora o alimento, seja oferecido de forma segura ao consumidor, bem como durante o processo produtivo, houve o respeito ao animal e ao meio ambiente. Em outro aspecto, o Zootecnista desenvolve trabalhos na área de conservação de espécies silvestres em parques e zoológicos de todo o Brasil.


Adotando regimes alimentares adequados, os animais silvestres em cativeiro conseguem se reproduzir, fato determinantes para que estas espécies saiam da lista das ameaçadas de extinção. Dessa forma, a ciência Zootecnia e seu profissional, o Zootecnista, tem contribuído fortemente para o bem estar da sociedade provendo-a de segurança alimentar e de respeito ao meio ambiente. No ano que comemoramos 50 anos da regulamentação profissional, conheça a Zootecnia, parabenize um Zootecnista, ciência e profissão que alimenta o mundo.


PROF. DR. JOÃO PAULO ARCELINO DO RÊGO

Zootecnista

Instituto Federal do Ceará /
Campus Boa Viagem

 

GABRIELLE ZARANZA

TAGS