PUBLICIDADE
VERSÃO IMPRESSA

Cultivo do morango hidropônico

Fruta é alternativa para o uso racional da água e dos nutrientes que permitem a mitigação dos agrotóxicos na produção de alimentos em regiões semiáridas

01:30 | 02/04/2018

O morangueiro é uma cultura originalmente de clima temperado, sendo cultivado em locais de temperaturas mais amenas, a exemplo do sul e sudeste brasileiro. O morango é um pseudofruto utilizado em sucos e sobremesas requintadas de alto valor agregado. Procurado por um público cada vez mais exigente por alimentos mais saudáveis, o morango em cultivo convencional tem sido alvo de críticas pela grande quantidade de agrotóxicos envolvidos para sua produção. A hidroponia é uma técnica de cultivo protegido, na qual o solo é substituído por uma solução aquosa contendo todos os minerais indispensáveis aos vegetais. Esta técnica congrega os benefícios do cultivo protegido, como controle de pragas, com o fornecimento eficaz de água e nutrientes via solução nutritiva, colheita fora de época e/ou precocidade, economia de insumos agrícolas e de água, além de poder ser instalada próximo ao mercado consumidor. Logo, se apropriar dessa técnica é de grande importância para a região nordeste do Brasil, onde há baixas e irregulares precipitações pluviométricas que comprometem anualmente os cultivos comerciais. Embora haja desafios em decorrência das altas temperaturas alcançadas dentro das estufas, é possível formular uma solução nutritiva que atenda nossas condições de clima. Diante desses desafios, o IFCE campus de Tianguá vem realizando com sucesso uma pesquisa que possibilita a produção de morango hidropônico e sem o uso de agrotóxico. A pesquisa é conduzida pelos professores do curso de Agricultura Cley Anderson Freitas, José Adeilson Medeiros do Nascimento e Rafael Fiusa de Morais. Nessa técnica a cultura é cultivada em canaletas levemente inclinadas, com as extremidades ligadas a um reservatório, onde é feita a solução nutritiva, não há a presença de solo e nem substratos. Na pesquisa, estão sendo testados diferentes concentrações de nutrientes a fim de determinar qual a mais recomendada para a realidade de clima da região.

&nsbp;

A pesquisa também contempla técnicas que amenizam as temperaturas internas da estufa e da solução nutritiva de modo a viabilizar o cultivo do morangueiro em hidroponia no nordeste brasileiro. Ainda segundo o professor, a pesquisa envolve os estudantes do curso técnico em Agricultura do Campus, participação que se torna fundamental para o amadurecimento profissional e técnico dos discentes. De acordo com o Dr. Rafael Fiusa, outro marco importante é a adoção do controle de pragas com produtos naturais, sem o uso dos agrotóxicos, utilizados comumente nos cultivos convencionais.

Prof. Dr. Cley Anderson Silva Freitas

Doutor em Engenharia Agrícola

IFCE Campus Tianguá

 

TAGS