PUBLICIDADE
Jornal

Comércio já inicia a Páscoa e espera vender 5% a mais

| FORTALEZA | A expectativa para a Semana Santa é grande para lojistas. Panificação deve ter alta de dois dígitos nas vendas, que são puxadas pelo pão de coco

09/03/2019 00:04:58
COMEÇOU a montagem de ovos de Páscoa
COMEÇOU a montagem de ovos de Páscoa (Foto: AURÉLIO ALVES)

Passado o Carnaval, os lojistas de Fortaleza já voltam as atenções para a Páscoa. O período faz crescer a procura por produtos como pão de coco, ovos de chocolate, vinhos e bacalhau. A expectativa é de pelo menos 5% de alta nas vendas para o segmento de supermercados ante o ano passado.

Segundo levantamento da Kantar Worldpanel, mais 37 milhões de lares compraram chocolates durante os meses de março e abril de 2018. Neste ano, o diretor de patrimônio da Associação Cearense dos Supermercados (Acesu), Engel rocha, espera novo aumento, como também dos outros produtos típicos da época.

A tradição deve fazer com que a panificação cearense tenha lucros acima dos dois dígitos, espera o vice-presidente do Sindicato das Indústrias de Panificação e Confeitaria no Estado do Ceará (Sindpan), Lauro Martins.

Ele diz que os preços dos pães devem baixar quando chegar a Semana Santa. "A Páscoa é um momento animador para nós, pois aqui no Ceará temos uma tradição de consumir e presentear com o pão de coco. Na semana da Páscoa temos um incremento nas vendas", complementa.

O POVO visitou, ontem, um supermercado que iniciava a instalação de ovos de Páscoa. Outros produtos, como vinho e bacalhau também serão vendidos com mais intensidade. Até a chegada da data, em 21 de abril, promoções serão realizadas, promete o gerente do Centerbox da avenida Washington Soares, Marcelo Regis.

"A expectativa sempre é a melhor possível, apesar de a crise financeira ter impactado no poder de compra do consumidor e na procura de produtos sazonais. Ao preparar a loja com antecedência, é para que o cliente veja que já estamos preparados para a Páscoa", complementa.

O presidente da Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas do Ceará (FCDL-CE), Freitas Cordeiro, entende que o mercado consumidor ainda está receoso e que a aprovação de reformas será positiva para animar o mercado. "Neste primeiro momento, não estamos vendo um entusiasmo grande para a Páscoa, existe uma expectativa". Ele ainda afirma que o período esperado é o Dia das Mães, que deve movimentar "grandemente" o comércio.

Elenita Teixeira, 30, é uma das consumidoras que devem comprar ovo de chocolate como presente para filha. A vendedora diz que pretende economizar na compra e agradar ao mesmo tempo.

Já a arquiteta Jéssica Glavão, 25, prefere fazer os próprios chocolates há três anos. Ela revela que percebeu a economia depois que analisou que pelo preço médio dos ovos, consegue produzir até cinco vezes mais com o mesmo valor.

 

Procon

O Procon Fortaleza deve realizar pesquisa de preços personalizada com produtos da cesta típica do período da Páscoa no fim deste mês de março. O feriado deste ano acontece no dia 21 de abril.

 

Pães

As padarias de Fortaleza se preparam para oferecer aos consumidores grande variedade do já tradicional pão de coco. Os produtos terão chocolate e frutas cristalizadas.

 

SAMUEL PIMENTEL