PUBLICIDADE
VERSÃO IMPRESSA

TRE-CE indefere 110 candidaturas

01:30 | 19/09/2018

Passado o último dia para substituições e julgamentos de candidaturas (última segunda-feira, 17), foram indeferidos 110 registros. Do total, conforme o TRE-CE, 86 já tiveram recursos julgados. Outros 24 nomes ainda podem recorrer ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

 

Entre os nomes que não podem mais recorrer está Domingos Filho, por ocupar cargo de conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE), mesmo que em situação de disponibilidade. Ele deve apoiar a esposa, a ex-prefeita de Tauá Patrícia Aguiar (PSD).

 

Há Lia Ferreira Gomes (PDT), indeferida por não ter realizado biometria e ter tido o título de eleitor cancelado, está recorrendo. Enquanto o recurso não é apreciado, ela está habilitada a praticar todos os atos de campanha.  

 

O candidato ao Palácio da Abolição, Mikaelton Carantino (PCO) também teve registro indeferido, além de cinco correligionários. Carantino afirmou que seu recurso já está no TSE. Outra sigla, o PTC, chamou atenção pelo número de indeferimentos: 45.

 

Erramos

Diferentemente do informado na versão original desta matéria, Lia Ferreira Gomes (PDT) ainda pode sim recorrer e está habilitada, até julgamento final, a prosseguir com sua campanha. A assessoria de comunicação da pedetista disse ainda que ela poderá ser votada no dia da eleição.