Participamos do

Em rápida passagem por Itu, Temer contou com segurança de 150 oficiais

01:30 | Nov. 16, 2017
Autor O POVO
Foto do autor
O POVO Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Um enorme aparato foi mobilizado para a rápida passagem do presidente Michel Temer (PMDB) pela cidade de Itu, no interior de São Paulo. Cerca de 150 homens do Exército foram destacados para proteger o trajeto de 300 metros entre o quartel e a prefeitura. Viaturas da Guarda Municipal e da Polícia Militar bloquearam as ruas do entorno da prefeitura. Mesmo assim, um grupo de 20 pessoas ligadas ao PSol e ao Sindicato dos Metalúrgicos de Itu e Região fez muito barulho do lado de fora, com faixas, aos gritos de “fora Temer” e contra a reforma da Previdência.


O grupo foi parado numa barreira policial. “Itu é a Mombaça do Temer”, disse o ex-vereador de Sorocaba, Osvaldo Duarte Filho. Em 1989, o então presidente da Câmara dos Deputados Antônio Paes de Andrade (PMDB), que assumiu a Presidência numa viagem do presidente à época, José Sarney (PMDB), fez de sua cidade, Mombaça, no Ceará, a capital federal por um dia.


Como a justificar o enorme aparato de segurança mobilizado para a visita, o presidente lembrou sua ligação com a cidade. Além de ser natural de Tietê, cidade vizinha, Temer foi professor e diretor da Faculdade de Direito de Itu. “A vinda para cá revela aspecto familiar, sou aqui da região e me sinto em casa. Itu deixou sua marca na história do movimento republicano”.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Agência Estado

 

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente