Participamos do

Deputado Osmar Baquit anuncia que vai deixar PSD

01:30 | Jun. 14, 2017
Autor O POVO
Foto do autor
O POVO Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Depois de a Comissão Executiva Estadual do PSD tentar notificar, na última segunda-feira, 12, o deputado Osmar Baquit, com objetivo de reconduzir o deputado Leonardo Araújo (PMDB) à liderança do bloco PSD-PMDB-PMB, o ex-secretário de Camilo anunciou, nesta terça-feira, 13, que vai deixar o partido.


Após deixar a pasta da Agricultura para ajudar o governo na Assembleia Legislativa em votações como a Proposta de Emenda à Constituição que extingue o Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), o deputado acabou substituindo Leonardo Araújo na Comissão de Constituição e Justiça e Redação (CCJ) e na relatoria da PEC do TCM.


Com base no regimento partidário, a legenda tentou notificar o deputado, que recusou assinar o documento. “O documento mandava que eu acatasse a liderança do deputado Leonardo Araújo. Eu estou assumindo a CCJ por indicação da Dra Silvana que foi indicada pelo bloco”, disse. “Estou esclarecendo que não recebi a notificação até pela ilegalidade do documento que foi colocado”, alegando que não havia ata de reunião nem autenticação.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Aliado do governador Camilo Santana (PT), o deputado afirmou que vai aguardar a janela partidária para deixar a agremiação. “Quando a janela abrir, e é a lei, eu sairei por falta de harmonia. Não estou aqui baixando o nível, acusando A ou B, quem está certo ou quem está errado”, argumentou. Ele não antecipou para qual partido deve seguir.


Na sessão, o deputado defendeu a liderança de Silvana. “Podem questionar a liderança dela politicamente, mas não legalmente”. (Blog Política)

 

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente