Participamos do

Órgão quer recadastrar 56% dos eleitores até 2018

Número de eleitores ainda sem cadastramento de biometria é alto: em torno de 1,4 milhão ainda não realizou a atualização, o que representa cerca de 84% do eleitorado da Capital
01:30 | Fev. 15, 2017
Autor O POVO
Foto do autor
O POVO Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia
[FOTO1]

A Central de Atendimento ao Eleitor do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-CE), em Fortaleza, conta com 22 guichês preparados para o recadastramento biométrico de eleitores da Capital.


Mesmo com o recurso de agendamento pela Internet e telefone, o corredor do atendimento tem permanecido desocupado durante a maior parte do tempo.

[SAIBAMAIS]

O número de eleitores ainda sem cadastramento de biometria é alto: em torno de 1,4 milhão ainda não realizou a atualização, o que representa cerca de 84% do eleitorado da Capital. A biometria será obrigatória apenas nas eleições de 2020, mas o TRE-CE pede que os eleitores não deixem para resolver essa e outras pendências nos últimos momentos.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine
[QUOTE1]

“Hoje nosso discurso para o eleitor da Capital é: antecipe-se, venha ao cartório eleitoral, faça sua coleta de dados biométricos enquanto não é obrigatório, enquanto não é um prazo fatal. Fazendo isso, estarão dispensados do atendimento em condições menos confortáveis”, diz Lorena Belo, coordenadora do Cadastro Eleitoral do TRE-CE.

[QUOTE2]

A meta do TRE-CE é elevar o percentual de 16% de eleitores em Fortaleza com biometria para 56% até maio de 2018, quando se fecha o prazo de recadastramento para o pleito do próximo ano.


Para tanto, os eleitores precisam realizar agendamento para a Central de Atendimento ao Eleitor, na Praia de Iracema, pelo portal do TRE-CE online ou pelo telefone 148.


“O agendamento é muito importante. O cidadão quer ter atendimento de qualidade e precisa colaborar. Ele escolhe o horário na lista do sistema. Temos vaga na agenda em todo o dia, especialmente à tarde”, ressalta Afrânio Aguiar, chefe da Central de Atendimento. Ele ainda pontua que a vantagem do agendamento é que o eleitor “fica consciente da documentação que precisa levar”.


O TRE-CE pede que o eleitor apresente documento de identidade e comprovante de residência – todos originais. Para quem irá se cadastrar pela primeira vez, é necessário também certificado de quitação com o serviço militar no caso de pessoas do sexo masculino com idade entre 18 a 45 anos.


O eleitor pode agendar atendimento entre 8 horas e 17 horas. Há também o Vapt-Vupt, em Messejana, com atendimento por ordem de chegada em seis guichês, das 8 horas até as 14 horas.


A ideia do TRE-CE é “ir mais próximo do eleitor”, com montagens de mais centros. Na próxima semana, deve ser aberto mais um no bairro Antônio Bezerra

 

Saiba mais


Cancelamento de título

O TRE-CE lembra ainda aos eleitores que não votaram nas três últimas eleições que o prazo para a regularização do título de eleitor se inicia no dia 2 de março e se esgota já no próximo dia 2 de maio. Quem não comparecer até essa data aos cartórios eleitorais e Central de Atendimento ao Eleitor terá o título cancelado – sendo necessário fazer revisão eleitoral.

 

Serviço

Recadastramento biométrico eleitoral

Telefone: 148

Internet: http://www.tre-ce.jus.br/


Central de Atendimento ao Eleitor

Onde: av. Almirante Barroso, 601 - Praia de Iracema

Horário: 8 às 17 horas


Vapt-Vupt de Messejana

Onde: av. Jornalista Tomaz Coelho, 602 - Messejana

Horário: 8 às 14 hora

Telefone: (85) 3218 5200


Documentação necessária: documento de identidade original e comprovante de residência original. Para eleitores do sexo masculino que irão se cadastrar pela primeira vez, certificado de quitação com o serviço militar.

Por Daniel Duarte

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente