PUBLICIDADE
Jornal
TRANSPARÊNCIA

O QUE DIZ A CGU

25/01/2019 06:35:34

O ministro da Transparência e Controladoria-Geral da União (CGU), Wagner Rosário, defendeu o decreto que ampliou o rol de servidores comissionados autorizados a classificar documentos como "ultrassecretos"

POSSIBILIDADE DE REVISÃO

"A gente está de pleno acordo com o decreto. Não compromete transparência, porque (se houver) qualquer problema, isso pode ser revisado. Nós fomos consultados e vimos isso aí como importante passo para o cumprimento da lei"

"Brasil Transparente"

Essa classificação, diz, já acontece em estados que ocupam o topo do ranking na "Escala Brasil Transparente", casos de Belo Horizonte e Alagoas.

TAGS