PUBLICIDADE
Jornal
MEMORY

Naquela Mesa...Redonda_

17/03/2019 02:38:58

O pôr do Sol sabatino preiteou o aniversariante de março, Demócrito Dummar, que fez 74 anos. Defronte ao seu amor maior, O POVO, uma praça nomina essa lacuna do jornalismo brasileiro. Humano, nunca deixava um demandante de mãos vazias. Certa feita, no jornal, foi barrado por um porteiro novo, que cumpria a determinação da exigência do crachá. A resposta, ao subordinado, foi um cumprimento pelo dever cumprido. Minhas lembranças, entretanto, não coincidem com o ocaso da inauguração, pois ele era auror. E com aroma petrichor. Sua capacidade de despertar sonhos e nos encher de um certo otimismo paternal são predicados inesquecíveis. O tempo passa e eu espero desempenhar corretamente meus deveres de bardo, esculpindo, em teclas de mármore, o panteão dos vultos cearenses.

O Povo