VERSÃO IMPRESSA

Nas alturas

01:30 | 04/05/2018

Para o ex-reitor do Instituto Tecnológico da Aeronáutica (ITA), Reginaldo dos Santos, pilotar uma aeronave foi a melhor sensação por ele vivida. Ali se dava um raro momento de reflexão, e tudo era visto, até os limites do globo ocular, com beleza indescritível.
 

Sem a sensação de empoderamento do condutor de uma máquina que desafia a gravidade, estava eu no 21º andar de um dos espigões da megalópole São Paulo.
 

A moderna paisagem me encantava, apesar de não tão bela quanto a observada por pilotos ou astronautas. À minha frente, entre vários espigões, a sede paulista da maior rede de TV do Brasil e suas muitas antenas a se comunicarem com todo o mundo. O prédio, que abriga a emissora, como a própria, parecia espreitar os estaios, que, acompanhados de sofisticado cálculo estrutural, sustentam a Ponte Estaiada, belo ícone da metrópole.
 

E surgiram reflexões. Acima, no céu nem sempre de brigadeiro como o do Ceará, desfilavam aviões e helicópteros, ainda sem drones e carros voadores. Abaixo, o espelho d’água do rio Pinheiro, a ser cristalino e margeado pelo verde da natureza não fosse a falta de cuidado do homem com o planeta, a incluir tantos carros, ainda não elétricos, e seus nocivos gases.
 

De repente, a tecnologia invadia o ambiente com um smartphone a entoar Ave Maria, de Bach e Gounod, na versão apresentada por Pavarotti e Bono, dois magos da música a advogar minha tese: brasileiros poderão, um dia, preferir o clássico ao axé se derem chance aos ouvidos. E a composição ainda trazia mensagens como:
“Onde está a justiça deste mundo?
  Os maus fazem tanto barulho… E os justos permanecem estranhamente calados…
 

E a força não existe sem humildade…
 

E a guerra é sempre a escolha dos que não terão de lutar.”
 

Naquele precioso instante, Pavarotti nos deu prova de que o talento é imortal, ao libertar e se inserir entre “aqueles que por obras valerosas se vão da lei da morte libertando”, conforme escreveu Camões em Os Lusíadas

 

Tales de Sá Cavalcante
tales@fariasbrito.com.br
Reitor da FB Uni e diretor- superintendente da Organização Educacional
Farias Brito

TAGS