VERSÃO IMPRESSA

Josileudo Queiroz Façanha: A festa dos Reis

A estrela pode ser alguém, essa gente boa com quem cruzamos no dia a dia e nos abre caminhos

01:30 | 06/01/2018

A partir do evangelho de Mateus 2,1-12, podemos entender melhor o significado da festa dos Reis Magos. Na verdade, a Igreja Católica celebra a Epifania do Senhor, ou seja, a manifestação do Senhor Jesus a todos os povos, que são representados aqui pelos Reis Magos. “O Evangelho de São Mateus conta que, depois do nascimento de Jesus, chegaram a Jerusalém alguns sábios que vinham do Oriente. São chamados de magos não porque faziam mágicas ou feitiçarias, mas porque estudavam os astros. Eram também conhecedores das profecias de Balaão, um profeta pagão que viu uma estrela sair de Jacó, isto é, do meio do povo de Deus. Os sábios viram essa estrela, seguiram até chegarem a Jerusalém e encontrarem Herodes no seu palácio. O rei e seus amigos ficaram muito perturbados quando viram esses outros reis que vinham do Oriente e procuravam o rei dos judeus que acabara de nascer. Chegaram por fim a Belém, onde encontraram o Menino, com Maria sua mãe. Adoraram-no, ofereceram-lhe presentes e voltaram para  sua terra sem procurar de novo o rei Herodes. 

 

Somente São Mateus conta a história dos Reis Magos, e nós os celebramos nesta festa da Epifania, venerando-os como Santos Reis”. “Eles não eram judeus. Vinham de outros povos a procura do rei dos judeus. Esse rei dos judeus é o Menino Jesus que acabava de nascer. De fato, o povo esperava a vinda do Messias Salvador, mas ainda não sabia que era esse Menino. Os anjos tinham anunciado aos pastores o seu nascimento e eles foram visitá-lo, mas, agora, por que esses reis? Porque o Menino nasceu para todos os povos. Como uma flor, ele brota da raiz judaica de Jessé, mas desponta por cima do universo para ser visto por todas as nações. Quem quiser encontrá-lo, pode! É só seguir a estrela. A estrela pode ser alguém, essa gente boa com quem cruzamos no dia a dia e nos abre caminhos, gente da nossa família, do nosso trabalho, da nossa rua... Esse Menino está disponível para todos, como uma criança encantadora que não assusta ninguém. E está com Maria, sua mãe. Maria é a mãe de Jesus. O menino só se encontra com ela. Se alguém deixar Maria de lado, não vai encontrar o verdadeiro Jesus. Os presentes, ouro, incenso e mirra, são ofertados ao rei que é Deus e homem. O Messias de Israel é salvador de todos os povos. Todos os povos são chamados a ser filhos de Abraão e a participar da herança de Israel”. Eis o verdadeiro significado da Festa dos Reis Magos!

 

 

Josileudo Queiroz Façanha

padrejosileudo@hotmail.com 

Padre Josileudo Queiroz Façanha Pároco da Paróquia São José Operário, Araturi, Caucaia

 

TAGS