PUBLICIDADE
VERSÃO IMPRESSA

Artigos. Os caminhos da inovação

01:30 | 31/01/2018

A cada passo da evolução da humanidade, surgem novas tecnologias que alteram a forma do homem de se relacionar com o meio em que vive. A busca por soluções inovadoras tem favorecido a aproximação, nos mais diversos segmentos, da academia com o segmento empresarial.

O desenvolvimento de tecnologias aplicadas tem sido o caminho de muitos pesquisadores das instituições de ensino tanto no Brasil quanto pelo mundo afora. Em nosso País, ações governamentais, alterações na legislação e o próprio surgimento da Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial-EMBRAPII tem promovido o desenvolvimento da indústria nacional, através do fortalecimento de sua colaboração com institutos de pesquisa e universidades.  

A EMBRAPII tem credenciado instituições brasileiras, é o caso do Instituto Federal de Ciência, Tecnologia e Educação do Ceará-IFCE, com o objetivo de desenvolver inovações em processos e/ou produtos para as demandas do setor industrial. Essa interação proporciona competitividade aos processos produtivos a partir de pesquisas aplicadas e assistência tecnológica.  

Um dos aspectos mais interessantes é a complementação da formação qualificada de profissionais do ensino técnico, graduados, mestres e doutores para atuar nos projetos de pesquisa, desenvolvimento e inovação em parceria com empresas de micro, pequeno, médio e grande porte. Vale ressaltar que o empreendedorismo permeando a formação do corpo discente tem proporcionado o surgimento de novas startups e mudando consideravelmente a inovação no estado.  

Atualmente no Ceará, tem-se observado o surgimento de startups, sendo que algumas delas, concorrem em competições internacionais. Essas startups apresentam soluções que são aplicadas nas áreas mais diversas, tais como: piscicultura, comunicação, saúde, internet das coisas, tecnologia da informação, recursos hídricos, construção civil, eficiência energética. Tais inovações fazem a diferença na disputa em mercados muito competitivos.

 

Cristiane Borges cristiane.borges@polodeinovacao.ifce.edu.br Professora do IFCE