VERSÃO IMPRESSA

Marília Lovatel: A densidade das coisas leves

01:30 | 30/10/2017

O sobrado de minha mãe é debaixo d’água. Debaixo d’água, por cima da areia, tem ouro, tem prata, tem diamante que nos alumeia.

Conheci o sorriso de D. Neném depois de escrever sobre ela, uma das rendeiras que, por quase oito anos, teceram a maior renda do mundo, recorde no Guinness e notícia de jornal que me inspirou A menina dos sonhos de renda.


Há histórias tão inspiradoras que precisam ser contadas, eu disse às crianças na escolinha de Caponga da Bernarda, localidade a 23km de Aquiraz, escondida entre Horizonte, Cascavel e Pindoretama. A estradinha parecia levar a lugar nenhum. Havia no ar um tempo suspenso, como céu para chover, apesar do sol.


Ao entrar, a recepção calorosa tornou impossível não sorrir, não contar, não cantar, naquele desdobramento da última Flaq (Festa Literária de Aquiraz), agora Flac, o “C” de Ceará, com lançamento previsto para 2/12, na Livraria Cultura.


Na escola, terminamos a conversa sobre meu livro, ao som de “Olé, mulher rendeira, olé mulher renda”. Foi denso experimentar a literatura que extrapola as páginas, unindo mundos na leveza das pontes de papel. As rendeiras estavam na canção e no meu livro.

Mas eu não as conhecia. Fui levada ao centro delas, em Aquiraz, por professoras gentis, que me apresentaram à D. Neném e à renda gigante, recolhida num carretel de madeira, antes enrolado por 1.000m de fio elétrico.


Virado, é perfeita mesa. Descobri que elas ainda teciam a renda e haviam ultrapassado em 300m os 1.000 do recorde. Não podem parar de tecer a poesia feita de linhas, tanto quanto não desejo parar de escrever minha renda de palavras.


Para fazê-lo por muitos anos, talvez eu necessite de uma mesa-carretel e da determinação de D. Neném, que me abriu um sorriso de límpida lâmina transparente, sob o qual enxerguei minha casa, o sobrado de minha mãe, erguido debaixo d’água e por cima da areia, com o ouro, a prata e o diamante que nos alumeia.

 

Marília Lovatel

marilia.lovatel@fariasbrito.com.br

Escritora

ADRIANO NOGUEIRA

TAGS